Cuiabá, segunda-feira, 08/08/2022
06:58:38
informe o texto

Notícias / Patrimônio

29/08/2021 às 16:25

Funarte recebe RGI da Aldeia de Arcozelo para dar início à revitalização do espaço

O patrimônio é considerado o maior complexo cultural da América da Sul

Entretê

Funarte recebe RGI da Aldeia de Arcozelo para dar início à revitalização do espaço

Foto: Divulgação

A Fundação Nacional de Artes (Funarte) recebe, na próxima segunda-feira (30), o documento de Registro Geral de Imóvel (RGI) da Aldeia de Arcozelo, em Paty do Alferes (RJ). A ação é resultado de uma parceria entre a Funarte e a Prefeitura Municipal de Paty do Alferes, com apoio da Procuradoria Geral do Município.

O RGI é um requisito indispensável para a captação e aplicação de recursos públicos, bem como para a possibilidade de firmar parceria com instituições privadas. Inaugurada em 1965, a Aldeia de Arcozelo é considerada o maior complexo cultural da América do Sul, com uma área total de 51 mil metros quadrados.


De acordo com o prefeito 
de Paty do Alferes, Juninho Bernardes, o sonho de restaurar o espaço está cada vez mais perto. "A Aldeia é um complexo rico em cultura, história e turismo. Estou trabalhando em diferentes projetos para captação de recursos, tanto de estatais quanto da iniciativa privada, para transformar este importante espaço. Não só para Paty, mas para toda a nossa região do Vale do Café”, ressalta Juninho Bernardes.

Sobre a Aldeia de Arcozelo
A Aldeia de Arcozelo foi inaugurada pelo ator Paschoal Carlos Magno (1906-1980), no ano de 1965, em Paty do Alferes, no Rio de Janeiro. Com uma área total de 51 mil metros quadrados, a antiga Fazenda Freguesia, fundada em 1730, é considerada o maior complexo cultural da América da Sul.

O espaço abriga dois grandes teatros: o Teatro Itália Fausta, com capacidade para 1.200 pessoas, e o Teatro Renato Vianna, com capacidade para 240 pessoas. O complexo ainda dispõe de uma sala para recitais, com capacidade para 240 pessoas; uma sala de vídeo com capacidade para 80 pessoas; duas galerias de arte; e uma biblioteca, com cerca de 5 mil livros.

O espaço cultural também foi cenário de um evento histórico. Em 1838, Manoel Congo (falecido em 1839) liderou uma revolta de escravos na fazenda. A ação ficou conhecida como a Revolta de Paty do Alferes, mantendo viva a memória da luta pela liberdade.

 
Assessoria Funarte
Clique AQUI, entre no grupo de WhatsApp do Entretê e receba notícias de Cultura e programações artísticas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet