Cuiabá, sábado, 06/06/2020
23:25:56
informe o texto

Notícias / Música

14/05/2020 às 10:48

Músico convida artistas para cantar enquanto prepara receitas veganas

Em lives na hora do almoço, André Coruja e convidados conversam sobre música autoral, alimentação e quarentena

Maria Clara Cabral

Músico convida artistas para cantar enquanto prepara receitas veganas

André Coruja também é idealizador de projetos como o Cantaurores e Ixpia o Festival

Foto: Arthur Alexander

O paraense André Coruja, mato-grossense “pau rodado”, uniu duas paixões em um só projeto: música e alimentação. Em lives compartilhadas no Instagram, ele convida músicos para conversar e apresentar suas canções, enquanto ele come e/ou cozinha receitas veganas, dieta a qual vem se adaptando nos últimos anos.

'Bora almoçar' acontece todos os dias – exceto alguns fins de semana –, a partir das 13h-BSB e 12h-MT, em transmissões compartilhadas entre os perfis de André Coruja e do artista convidado. O programa estreou na segunda-feira (11) e já tem programação fechada até junho.

Rauni Vilasboas, de Cáceres (MT), e Thalia Sarmanho, de Belém (PA), foram os primeiros convidados. Henrique Maluf e Ellie Valente e Hugo Américo fecham a semana nesta quinta e sexta-feira (14 e 15). Inesita, também do Pará, Allen Alencar, de Sergipe, e os mato-grossenses Jefferson Neves, Maicon Saatti, Luciana Bonfim serão os próximos.

“Vou chamar para esse almoço diário artistas de todos os lugares por onde passei, por onde vivi. Claro que Mato Grosso e Pará têm destaque pela quantidade de pessoas que conheço e da minha inserção nas duas cenas”, conta Coruja.

Música e alimentação não serão os únicos assuntos durante o bate-papo. “Falamos sobre consumo, solidão no isolamento, comer sozinho, cozinhar em casa, desinfetar alimentos. Tudo isso que faz parte da vida de todo mundo”, explica.

Essa foi uma forma encontrada por André de compartilhar não só histórias, trabalhos e conhecimentos, mas promover o intercâmbio de público entre artistas, experimentando novos formatos em tempos de pandemia.

“Eu que não sou besta vou comer ou cozinhar enquanto escuto música. Nada mal para ter boa companhia na quarentena e chegar às redes dos outros artistas e eles às minhas”, brinca.

'Bora almoçar' não é o primeiro projeto de André Coruja pensando para promover a música autoral mato-grossense. Além do Ixpia o Festival, realizado em março deste ano, no mesmo formato online, ele encabeçou o projeto ‘Cantautores’ durante 2017/2018, com encontros presenciais no Metade Cheio, em Cuiabá, e edições especiais em São Paulo e Lisboa.
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Bora almoçar de hoje foi com a visita da Thalia Sarmanho, de Belém. Ela entoou seus belos cânticos enquanto eu assava essas batatas doces ao forno para acompanharem o resto da salada de ontem, feita enquanto escutava Rauni Vilasboas. Amanhã tem mais. Bora almoçar com Henrique Maluf, direto de Cáceres-MT? Então bora! Neste prato, há batata doce, cebola, alho, sal, orégano, azeite, um restinho de caldo de uma caponata e uma salada de feijão fradinho que está no post anterior. Todas as receitas estão nos stories e, depois, nos destaques. #govegan . #chapadadosguimarães #matogrosso #plantbased #alimentaçãosaudável #vegano #mercyforanimals #belem #andrecoruja #thaliasarmanho #cuiaba #cantautor #masterchef #musica

Uma publicação compartilhada por André Coruja (@andre_coruja) em

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Preencha seu email abaixo para receber atualizações diárias de nossos artigos
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet