Cuiabá, domingo, 25/02/2024
10:24:02
informe o texto

Notícias / Cinema

14/01/2023 às 14:37

Cineasta documentarista mato-grossense é apontada como um dos novos talentos do Cinema Nacional

Ela passa a compor o Selo Elas, da distribuidora de filmes Elo Studios, e é apontada como um dos novos nomes da nova geração do Cinema Brasileiro

Entretê

Cineasta documentarista mato-grossense é apontada como um dos novos talentos do Cinema Nacional

Foto: Divulgação

A poetisa, cineasta documentarista, educadora e ativista pelos Direitos Humanos e da Natureza, residente em Chapada dos Guimarães e criada em Cuiabá, Jade Rainho, passa a compor o Selo Elas, da distribuidora de filmes Elo Studios e é apontada como um dos novos nomes da nova geração do Cinema Brasileiro.

Com 10 anos de atuação no mercado nacional, Jade Rainho vem realizando obras de sucesso desde seu primeiro trabalho, "Flor Brilhante e as cicatrizes da pedra". O documentário de curta-metragem realizado de maneira independente e colaborativa circulou por 21 países, mais de 60 festivais, foi traduzido para 6 línguas, premiado no Brasil, Bolívia, Peru e México e é uma referência no assunto até hoje.

O filme retrata a realidade de uma família de rezadores Guarani Kaiowá de Dourados-MS, que há mais de 40 anos convive com os impactos nocivos e as violações de direitos da mineração em território indígena.

Jade Rainho foi convidada a participar do Selo Elas em 2020 com seu primeiro projeto de longa-metragem, "O Jardim de Maria", documentário financiado pelo Ministério da Cultura e FSA/ANCINE.

Através do Selo Elas, o projeto recebeu consultoria de profissionais experientes e de destaque em diversas áreas do setor. Atualmente, o filme se encontra em pós-produção e deve ser finalizado e lançado ainda este ano.

Em Mato Grosso, Jade Rainho também vem realizado obras audiovisuais com um olhar poético e político, que se diferencia pela sensibilidade, a escuta e a escolha dos temas retratados.

Em 2022, foram lançadas dois curta-metragens dirigidos e roteirizados por ela, "Hermanos, Aqui Estamos" e "Cacica – a força da mulher Xavante".

À frente da Cadju Filmes, produtora fundada e sediada em Mato Grosso, também são realizados projetos diversos em cinema, audiovisual e literatura. A Cadju Filmes foi uma das empresas aceleradas e premiadas pelo projeto MOVE_MT, em 2022, uma parceria da SECEL-MT com o Instituto Oi Futuro que visa desenvolver empresas de economia criativa no Estado.

Vale a pena prestar atenção em Jade Rainho e sua Cadju Filmes e acompanhar as realizações desta artista que está levando o olhar brasileiro e mato-grossense para mundo.

Com assessoria
Clique AQUIentre no grupo de WhatsApp do Entretê e receba notícias de Cultura e programações artísticas.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Maria Olinda dos santos 27/01/2023 às 00:00

    Eu adoro documentário quero assistir

  • vera lucia capilé 14/01/2023 às 00:00

    Parabéns Jade Ratinho! Sucesso sempre!

 
Sitevip Internet