Cuiabá, sábado, 20/07/2024
01:54:13
informe o texto

Notícias / Gastronomia

10/05/2024 às 15:15

DESTAQUES NACIONAIS

Jornalistas de MT lançam guia gastronômico que discute a relação entre campo e cidade na culinária do estado

Guia insere Mato Grosso no mapeamento de restaurantes de diferentes regiões do país; lançamento será neste domingo

Entretê

Jornalistas de MT lançam guia gastronômico que discute a relação entre campo e cidade na culinária do estado

Foto: Divulgação

No próximo domingo (12), o "Coletivo Com_Texto" lança em território mato-grossense o guia gastronômico "Prato Firmeza 5 - Um diálogo entre Campo e Cidade", idealizado e produzido pela Énois Laboratório de Jornalismo, em parceria com o Coletivo.

Com pratos como peixe assado, pequi, ventrecha frita e pamonha, o guia traça a rota de como alimentos produzidos no campo chegam até bares e restaurantes da baixada cuiabana. O evento de lançamento será no Rebu Bar, a partir das 19h. Na programação terá exposição e distribuição de exemplares.

Ao levar a gastronomia regional para o cenário nacional, o Coletivo formado pelos jornalistas Marcos Salesse e Beatriz Passos, foi em busca dos sabores e aromas de regiões distantes do grande centro da capital. Com o guia, há o objetivo de apresentar ao leitor o trajeto que liga a produção do campo aos pratos servidos nos restaurantes mapeados.

No trajeto, a dupla passou pelo Distrito de Coxipó do Ouro, no Restaurante Avenida, onde encontrou um típico arroz com pequi, servido à beira do Rio Coxipó. Também passou pela Comunidade Rio dos Peixes e descobriu o caminho do queijo até chegar à tradicional Pamonharia do Divino e ser servido nos quitutes e nas conhecidas pamonhas.

A busca também chegou à Várzea Grande e encontrou o Pacu frito pescado no quintal e servido no Rancho Caipira, fruto do empenho do comércio feito em família. Ainda em busca das raízes culinárias, encontrou na Comunidade São Gonçalo Beira Rio a simplicidade e resistência ribeirinha, que mantém a Peixaria do Firmino aberta oferecendo aos clientes o pacu frito, no aconchego das sobras feitas pelo bambuzal presente no restaurante.

Além do guia gastronômico, as iniciativas produziram uma série de 10 episódios de áudio para o podcast do Prato Firmeza. Em um dos episódios, os jornalistas mato-grossenses narram parte do impasse envolvendo a Lei Estadual que proíbe a pesca no estado. A série já está disponível no Spotify, para acessar, clique aqui.

Durante o evento de lançamento, os jornalistas farão a distribuição gratuita de uma quantidade limitada de unidades impressas, entretanto, a versão digital do material já está disponível, clicando aqui. Segundo o jornalista Marcos Salesse, o evento será também uma celebração do trabalho realizado.

"Esse trabalho chegou a ser lançado já em São Paulo, mas a proposta de fazer em Cuiabá tem um sentimento diferente. Estamos entregando para as pessoas da nossa terra um material robusto, feito a partir de um esforço coletivo para colocar no texto a essência que encontramos em cada um dos restaurantes", disse Marcos.

Pequenos produtores e a comida em MT

Além de todo o conteúdo sobre a cultura alimentar mato-grossense, o guia também discute a importância e desafios do dia a dia de pequenos produtores e comerciantes para manter a linha de produção local. Longe das lógicas do agronegócio, os dois elos se tornam peças chaves para a preservação dos valores sócio-políticos dos hábitos alimentares, no entanto sofrem a pressão das mudanças climáticas e do mercado.

Para a jornalista Beatriz Passos, construir um guia gastronômico local ampliou a percepção sobre a produção de alimentos e venda de comida no estado .

“Falando de Mato Grosso, esse estado que se destaca pelo agronegócio, pensar e conhecer a lógica de alimentação de outras formas, como se produz alimento no nosso estado para além das grandes plantações de soja e de milho, é importante para abrir os nossos olhos e entender quem produz o que chamamos de 'comida de verdade'”, frisou Beatriz.

O guia ainda contou com a participação de coletivos de 10 capitais brasileiras e foi viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, do Ministério da Cultura. O livro teve a presença de todas as regiões do Brasil com as iniciativas: Maré Cheia (PA), Com_Texto (MT), Olhos Jornalismo (AL), Cumbuca (AM), Tejucupapos (PE), Agência Lume (RJ), Coletivo Aruandê (BA), Awalé (SC), Resistência Cultural Upaon Açu (MA) e Manda Notícias (SP). Sendo Mato Grosso o único representante da região centro-oeste.

Serviço:
O que: Lancamento Prato Firmeza 5 - Do Campo a Cidade
Quando: 12 de maio, às 19h
Onde: Rebu Bar
Entrada Gratuita
Baixe o guia "Prato Firmeza 5 - Um diálogo entre campo e cidade" aqui
Clique AQUIentre no grupo de WhatsApp do Entretê e receba notícias de Cultura e programações artísticas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet