Cuiabá, quinta-feira, 12/12/2019
18:35:22
informe o texto

LTV / Viralizou na Internet

29/10/2019 às 14:35 - Duração: 00:00:19

​Homem dá ‘voadeira’ em mulher que estava dançando em palco

Uma cena lamentável de agressão foi registrada na cidade de Pojuca, região metropolitana de Salvador, na noite do último domingo (27). Um homem invade o palco e dá uma voadeira na mulher, atingindo no rosto da vítima que caiu no chão. O ato de violência foi registado por várias pessoas que assistiam ao show do canto de pagode conhecido como 'O Poeta'. O vídeo acabou viralizando. 

Em um dos vídeos compartilhados nas redes sociais, que começa registrando a dança da moça, é possível ver o momento em que o homem surge ao fundo, passa pelos seguranças e acerta o rosto da vítima com uma joelhada. Na sequência, ele tenta descer do palco, mas é contido pelos seguranças da casa de shows Clube AIP.

Em entrevista ao portal G1, Jhon Santana, um dos produtores da festa, disse que o agressor é namorado da vítima e teria agredido a companheira por sentir ciúmes ao vê-la dançando no palco.

Por meio de sua assessoria, o cantor ‘O Poeta’ lamentou o caso e repudiou a agressão: “Se vc é machista, covarde, preconceituoso e não aceita ver uma mulher dançando em um palco, não me siga no Instagram ou em nenhuma rede social , não seja frequentador dos shows do Poeta! Melhor ainda, nem saia de casa, a sociedade e as mulheres não merecem conviver com pessoas assim , você não merece ser um fã do Poeta”.

A nota foi compartilhada pelo próprio Santana, que também criticou a agressão e afirmou que as mulheres e a sociedade não merecem conviver com pessoas assim. “A Comissão Organizadora do Seu Farinha Prime, vem manifestar publicamente seu mais profundo repúdio ao episódio ocorrido no último domingo(27), no Clube AIP envolvendo uma mulher, que foi agredida por um homem, no momento que a mesma estava dançando no palco do show do Poeta. Oportuno lembrar que logo após o ato de violência contra a mulher, o show foi encerrado e todas as providências foram tomadas, juntamente com os profissionais de segurança contratada para o evento. Fica aqui registrado todo nosso repúdio a qualquer forma de violência contra a mulher”, escreveu o produtor.

 
Com informações do G1 e Istoé
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet