Cuiabá, sábado, 19/06/2021
21:16:09
informe o texto

Notícias / Política

10/06/2021 às 13:01

Vacinas acordadas com o Governo Federal serão exclusivas da Capital

Emanuel explicou ter apresentado duas propostas para o presidente Bolsonaro e aguarda um retorno para esta sexta-feira

Da Redação - Camilla Zeni / Reportagem Local - Alline Marques

Vacinas acordadas com o Governo Federal serão exclusivas da Capital

Foto: Alline Marques/Leiagora

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou que as vacinas extras que serão encaminhadas pelo Governo Federal como compensação pela realização da Copa América na Capital serão exclusivas de Cuiabá.

O anúncio da conquista dos imunizantes foi feito por Pinheiro nessa quarta-feira (9), depois de uma resposta positiva do Ministério da Saúde a um pleito feito pessoalmente pelo gestor ao presidente Jair Bolsonaro na segunda-feira (14). O total de doses que serão enviadas e a data em que elas chegarão não foram informados.

Questionado se essas doses poderiam ser "confiscadas" pelo Estado, caso as doses sejam enviadas direto para a Secretaria Estadual de Saúde, Emanuel  descarta e diz que se trata de apropriação indébita.

"Não tem nem condições, o ministro deixou claro isso, o presidente deixou claro de quem estava atendendo ao pedido de Cuiabá. Ficou claro da parte do ministro ao receber o deputado Emanuelzinho ontem e ao fazer questão de anunciar publicamente, gravar um vídeo. Então não tenho essa preocupação, seria até uma apropriação indébitas", afirmou. 


De acordo com Emanuel, ele teria apresentado duas propostas para o presidente Bolsonaro. Uma seria o envio de 647 mil doses, que seriam referentes a duas aplicações para toda a população, e outra, que seria mais provável, o envio de 290 mil doses da vacina estadunidense Janssen, da Johnson & Johnson, que precisa de apenas uma aplicação para a imunização. 

"Eu mostrei: 'presidente, olha a oportunidade. Cuiabá é a cidade menos populosa de todas as quatro sedes da Copa América. Cuiabá é a capital de Mato Grosso e pode ser um momento importantíssimo para o senhor demonstrar inclusive o compromisso do governo Bolsonaro de vacinar 100% dos brasileiros. É o momento único de entrar uma capital do país 100% imunizada", comentou.

Até o momento, Cuiabá não sabe quantas doses serão enviadas. O anúncio foi agendado para sexta-feira (11) e, segundo o prefeito, o deputado federal Emanuelzinho (PTB), articulador das vacinas, permanece em Brasília para fechar o acordo.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet