Cuiabá, quarta-feira, 23/06/2021
01:36:29
informe o texto

Notícias / Agro e Economia

11/06/2021 às 09:00

Setor de bares e restaurantes estão otimistas com Dia dos Namorados e fazem promoções

Pesquisa realizada pelo IPF-MT aponta que metade dos casais pretende sair para jantar na data e devem gastar, em média, um valor de R$ 244

Paulo Henrique Fanaia

Setor de bares e restaurantes estão otimistas com Dia dos Namorados e fazem promoções

Foto: Reprodução Internet

Mesmo com os números da pandemia ainda em alta no estado de Mato Grosso, o setor de bares e restaurantes estão otimistas com o Dia dos Namorados, data que será comemorada neste sábado (12). Esta expectativa é baseada na pesquisa divulgada pela Fecomércio-MT que aponta que 68% das pessoas pretendem comprar presentes e levar o parceiro ou parceira para comemorar em algum lugar.

Dessa parcela, 50% afirmam que a preferência é comemorar a data em algum bar ou restaurante, onde pretendem gastar, em média, um valor de R$ 244,44. 
A pesquisa foi realizada pelo IPF-MT (Instituto de Pesquisa e Análise da Fecomércio de Mato Grosso), entre os dias 31 de maio e 06 de junho, com 178 pessoas (62% do sexo feminino e 38% do sexo masculino), sendo a maior parte moradores de Cuiabá (71%), e 14% de Várzea Grande. Os outros 15% são moradores do interior do estado. 

E para estimular as pessoas a comemorarem a data de maneira romântica, alguns restaurantes da capital estão trabalhando com o sistema de reserva e com valores promocionais para casais com pratos especiais, bebidas, sorteios de garrafas de vinho e até mesmo shows, sendo que muitas reservas já estão esgotadas. Portanto, quem pretende comemorar o Dia dos Namorados neste sábado com um jantar especial, é melhor correr.
 
Para a Fecomércio os números superam as expectativas e isso mostra que o comércio do estado vem se fortalecendo e contribuindo com o avanço da economia, aquecendo o setor.
 
Quem também espera bons resultados na data comemorativa é a
Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-MT). De acordo com a presidente da associação, Lorena Bezerra, no ano passado o setor de bares e restaurantes foi muito afetado pelas medidas restritivas obrigatórias, o que resultou em uma grande crise econômica para os donos dos estabelecimentos.

Muitos restaurantes que trabalhavam apenas no período noturno ficaram fechados por quase 30 dias, sendo que outros não conseguiram se adequar ao modo de trabalho delivery.
 
Desta forma, os números divulgados pela pesquisa do IPF-MT significam uma oportunidade para os empresários do setor ao menos garantirem um bom público, dando assim um folego a mais nas contas.
 
“Depois de vários meses fechados, estar aberto significa a possibilidade do empresário ao menos garantir o pagamento das contas mensais” diz Lorena.
 
A associação reforça ainda que, mesmo esperando um grande público, os bares e restaurantes devem se lembrar de seguir as medidas de biossegurança, respeitando o distanciamento social.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet