Cuiabá, segunda-feira, 26/07/2021
11:59:21
informe o texto

Notícias / Geral

15/06/2021 às 18:35

Governo inicia entrega de 400 escrituras de imóveis no CPA, em Cuiabá

Documentos são emitidos pelo Instituto de Terras de Mato Grosso e entregues gratuitamente às famílias

Leiagora

Governo inicia entrega de 400 escrituras de imóveis no CPA, em Cuiabá

Foto: Tchélo Figueiredo / Secom-MT

O Governo de Mato Grosso, por meio do Instituto de Terras (Intermat) iniciou na manhã desta terça-feira (15) mais uma etapa das entregas de títulos das propriedades residenciais, devidamente registradas em cartórios, aos moradores dos bairros CPA I, II, III e IV. Serão entregues cerca de 400 documentos que eram esperados há décadas pelas famílias de baixa renda e que não têm condições de pagar pelo serviço.

Com a redução dos casos de covid-19 em Mato Grosso, desde o dia 8 de junho, o Intermat retornou com os serviços de entrega de títulos. Com imóvel escriturado, o proprietário pode realizar a venda do imóvel, reformar e construir com segurança. Além disso, somente com essa documentação é possível ter acesso a linhas de crédito e financiamento.

De acordo com o presidente do Intermat, Francisco Serafim, as entregas vão ser realizadas ao longo do mês. "Estamos com quase 4 mil títulos prontos de diversos bairros de Cuiabá, além de mais 3 mil em cartórios que estão registrando esses documentos para entrega na Capital e do município de Várzea Grande”.

O presidente destacou ainda que as escrituras entregues pelo Governo de Mato Grosso são produzidas gratuitamente, não é necessário pagamento de nenhuma taxa para ter acesso ao benefício dos serviços.


Esmeraldo Magalhães de Oliveira, morador do CPA I, recebeu do presidente do Intermat, Francisco Serafim, o título do seu imóvel, aguardado há mais de 40 anos. “Com este título em mãos, eu vou tirar uma grande preocupação da minha cabeça, pois agora sou o dono definitivo, isso é garantia que sou o dono da minha propriedade, estou muito feliz porque o governador Mauro Mendes está concretizando um sonho antigo esperado desde 1979, ano que eu mudei para o CPA", declarou o morador com o título em mãos.

Outra moradora beneficiada com o documento foi a professora aposentada Ilma Moraes de Souza. Ela explicou que devido à falta de condições financeiras não foi possível conseguir o documento antes.

“Minha dificuldade para ter este documento foi a falta de recurso financeiro. Eu tinha começado o processo para fazer a escritura, mas ficou muito caro, em torno de R$3 mil, mas não tive como pagar e abandonei o processo.  Por isso, quando surgiu essa oportunidade do Governo de Mato Grosso, eu corri atrás o mais rápido possível. Hoje, é uma alegria eu estar recebendo o documento definitivo da minha moradia, um presente do Governo de Mato Grosso. Um momento de felicidade por saber que consegui essa conquista, estou muito feliz”, disse a moradora.

Como medida de segurança, para evitar a formação de aglomeração de público, foram selecionadas 20 pessoas de cada bairro para receber presencialmente sua documentação. As demais escrituras, serão entregues pessoalmente pelos representantes do Intermat na residência dos moradores.

Segundo o presidente do MT PAR, Wener Santos, que trata dos projetos estratégicos do Governo de Mato Grosso, uma das metas do Intermat, junto com os parceiros desta ação é realizar a entrega de 7 mil títulos até o mês de outubro de 2021, beneficiando diversas famílias.

“O governador Mauro Mendes autorizou que o MT PAR fosse parceira do Intermat nesta ação de regularização fundiária  para fortalecer e acelerar ainda mais este processo. Por isso, até o mês de outubro, queremos estar com esses títulos prontos para entregar em Cuiabá e Várzea Grande", afimou Wener

Também acompanharam a entrega de títulos a vereadora Michelly Alencar, os deputados Wilson Santos, Eliseu Nascimento, além dos presidentes de bairros e demais liderança de governo.

 
Do Governo de MT

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet