Cuiabá, domingo, 25/07/2021
20:56:45
informe o texto

Notícias / Judiciário

16/07/2021 às 18:29

Justiça mantém vacinação aberta em Cuiabá

No final de junho, o município abriu o cadastro de vacinação para o público geral

Kamila Arruda

Justiça mantém vacinação aberta em Cuiabá

Foto: Luiz Alves / Prefeitura de Cuiabá

A Justiça manteve a vacinação das pessoas com 18 a 44 anos na capital. A juíza Célia Vidotti, responsável pela Vara Especialização em ação Cível Pública de Cuiabá, negou provimento à ação popular impetrada pelo advogado Miklael Danelichen Rodrigue, que questionava o sistema de vacinação adotado em Cuiabá.

Em sua decisão, a magistrada cita que não há legislação em vigor que impeça que o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) de adotar o sistema aberto de cadastramento, e ainda cita a necessidade de toda a população ser vacinada contra a covid-19.

“No caso em comento, vê-se que o ato administrativo questionado foi adotado em razão do expressivo número de faltosos aos agendamentos para vacinação. Não há lei em vigor que defina a situação em comento e imponha ao requerido a obrigação de destinar as doses de vacinas de pessoas que faltaram aos grupos etários em ordem decrescente”, enfatizou.

Diante disso, ainda afirma que, ao impetrar com a ação, o jurista quis “substituir o administrador público em seu juízo de conveniência e oportunidade”.

“E não é demasiado lembrar que o risco de complicações pelo vírus não tem um padrão, não sendo raras as ocorrências de casos graves em pessoas jovens e sem comorbidades, como corriqueiramente é noticiado nos meios de comunicação”, completou.

Na ação, o advogado alegou que a ampliação da imunização para pessoas de até 18 anos pode propiciar casos de fura-fila.

No final de junho, o município abriu o cadastro de vacinação para o público geral (18 a 49 anos). Este público é imunizado com doses que não foram aplicadas nos grupos prioritários devido ao não comparecimento dessas pessoas nos locais de vacinação.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet