Cuiabá, terça-feira, 21/09/2021
08:16:39
informe o texto

Notícias / Judiciário

31/07/2021 às 09:07

Justiça condena a 24 anos homem que matou por disputa de comando de tráfico na cidade

MP defendeu a condenação do réu pelo crime de homicídio qualificado por motivo cruel e sem chance de defesa das vítimas

Assessoria

Justiça condena a 24 anos homem que matou por disputa de comando de tráfico na cidade

Foto: Reprodução

O Conselho de Sentença da comarca de Cotriguaçu (a 950km de Cuiabá) julgou e condenou, por unanimidade, Edenilson da Luz dos Santos pelos homicídios qualificados de Caio Henrique Barteli dos Santos e Evandro Gomes dos Passos, ocorrido em 2019. A sessão do Tribunal do Júri foi realizada na quarta-feira (28), e a pena estabelecida pelo juízo foi de 24 anos de reclusão em regime inicialmente fechado, sendo mantida a prisão preventiva do condenado e negado o direito de recorrer em liberdade.

Durante o julgamento, a promotora de Justiça substituta Caroline de Assis e Silva Holmes Lins defendeu a condenação do réu pelo crime de homicídio qualificado por motivo cruel e emprego de recurso que dificultou a defesa da vítima Caio Henrique, bem como a condenação pelo crime de homicídio consumado da vítima Evandro, qualificado pelo emprego de recurso que dificultou a defesa.

Conforme a denúncia do Ministério Público, o crime teria sido motivado por disputa pelo comando do tráfico na cidade de Cotriguaçu. Edenilson dos Santos matou as vítimas com disparos de arma de fogo na praça João Paulo II. Eles estavam juntos no local quando começaram a discutir e o denunciado atirou contra a cabeça de Caio Henrique e as costas de Evandro. O autor fugiu e as vítimas chegaram a ser socorridas, mas não resistiram aos ferimentos.
Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet