Cuiabá, terça-feira, 26/10/2021
02:32:34
informe o texto

Notícias / Política

16/09/2021 às 19:11

Vereador critica aumento de 90% em conta de água por tratamento de esgoto

Concessionária Águas Cuiabá diz que o percentual está previsto no contrato de concessão assinado com o município

Débora Siqueira

Vereador critica aumento de 90% em conta de água por tratamento de esgoto

Foto: Ilustrativa

O vereador Diego Guimarães (Cidadania) assinou o requerimento para a abertura da CPI da Águas Cuiabá, que pretende apurar a cobrança da taxa referente ao tratamento de esgoto de 90% sobre a tarifa da água. Ele discorda do percentual. Contudo, a concessionaria argumenta que a taxa está prevista no contrato de concessão e passa a ser cobrada assim que o bairro recebe o serviço de rede de esgoto.

A empresa assumiu a concessão do serviço em 2017, no lugar da CAB Ambiental, que havia ganho a licitação para investir e explorar o setor por 30 anos. 

Por meio da assessoria de comunicação, a empresa explicou que vai expandir o serviço em Cuiabá até 2024, totalizando R$ 1,2 bilhão em investimentos no esgotamento sanitário e água tratada. Conforme os trabalhos forem avançando nos bairros, e o serviço começar a ser prestado, o morador passará a pagar a tarifa. 

Leia também - Vereador apresenta requerimento para instaurar CPI da Águas Cuiabá

De acordo com a Águas Cuiabá, a tarifa sobre o tratamento de esgoto é cobrada apenas nos bairros que possuem o serviço. A tendência é que mais moradores passem a pagar a tarifa, pois há obras na cidade para a ampliação da rede de esgoto. 

O vereador, por sua vez, disse que não concorda com o percentual e que já está estudando o caso para saber quais medidas podem ser adotadas a fim de não permitir uma cobrança que considera abusiva.

“Não sou contra o pagamento do serviço de tratamento de esgoto, pois entendo que é necessário tratar a água que é descartada para que ela não acabe poluindo nossos rios. Porém, nem toda água que é consumida nas residências, volta para o esgoto, portanto cobrar um valor de 90% em cima do consumo total é um absurdo!”, disse nas redes sociais.


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Diego Guimarães (@diegoguimaraesmt)

Clique AQUI e entre no grupo de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet