Cuiabá, domingo, 25/02/2024
11:21:03
informe o texto

Notícias / Geral

07/12/2023 às 15:28

NOVO PISO

Intervenção encaminha à prefeitura proposta de reajuste de 23,79% para profissionais da enfermagem

Proposta deve ser encaminhado à Câmara de Vereadores para ser incorporada à Lei Orçamentária Anual de 2024

Leiagora

Intervenção encaminha à prefeitura proposta de reajuste de 23,79% para profissionais da enfermagem

Foto: Luiz Alves / Prefeitura de Cuiabá

O Gabinete Estadual de Intervenção encaminhou à Prefeitura de Cuiabá proposta do novo Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV) para os profissionais da enfermagem, com sugestão de reajuste médio de 23,79%. O documento protocolado nessa terça-feira (5) usou como referência o novo piso nacional da enfermagem e contém as tabelas com sugestões de reajuste real para todos os perfis de trabalho da categoria. 

O próximo passo para que o PCCV se torne realidade é o encaminhamento do Executivo municipal à Câmara de Cuiabá para que seja incorporado à Lei Orçamentária Anual de 2024. Uma cópia da Nota Técnica do Plano também foi enviada para a Câmara Municipal.

Atualmente, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Cuiabá conta com 1.820 profissionais da categoria, distribuídos entre enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem. As tabelas apresentadas na proposta foram aprovadas pelos representantes da categoria.

No documento, o Gabinete de Intervenção destacou que a enfermagem é a maior categoria de nível assistencial do SUS em Cuiabá e é responsável pelo cuidado direto do paciente, prestando relevantes serviços à população. Também pontua que a tabela de reajuste sugerida equipara os profissionais da enfermagem à média do que vem sendo pago no país. 

“Encaminhar o PCCV após o início do pagamento do piso nacional era uma prioridade para nós, pois é um importante passo para valorização destes profissionais, que se dedicam tanto no atendimento à saúde do cidadão. Fizemos nossa parte com muito carinho e cuidado, e agora esperamos que a Prefeitura envie para a Câmara a proposta para ser votada e incluída na LOA”, destaca a interventora na Saúde de Cuiabá, Danielle Carmona.  

A interventora explica que os valores que constam na nota técnica são resultado de estudos realizados por uma comissão formada com integrantes da área de Planejamento da SMS, representantes do Sindicato da Enfermagem da Capital e do Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso (Coren-MT).

Para a presidente do Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso (Coren-MT), Lígia Arfeli, o encaminhamento do PCCV é um passo importante para a categoria que estava ansiosa por este momento. 

"É uma vitória, no sentido de conquistas, valorização e fortalecimento. Acredito que a luta ainda tem um longo caminho a se percorrer até ter uma norma vigente e que seja sancionado. Agradeço a oportunidade de ter participado desse estudo tão importante e que com certeza traz muitos avanços para a categoria de enfermagem”, ressalta Lígia.

 
Gabinete de Intervenção
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet