Cuiabá, sábado, 13/07/2024
10:25:49
informe o texto

Notícias / Geral

09/07/2024 às 18:42

INCÊNDIOS FLORESTAIS

Fogo no Morro São Jerônimo é extinto, mas três frentes são combatidas no Pantanal

Labaredas consumiam vegetação do morro desde quarta-feira passada; MT registra 100 focos de calor nas últimas 24h

Leiagora

Fogo no Morro São Jerônimo é extinto, mas três frentes são combatidas no Pantanal

Foto: Reprod

O Corpo de Bombeiros Militar extinguiu o incêndio florestal no Morro São Jerônimo, em Cuiabá, nesta terça-feira (9), que vinha consumindo a vegetação há seis dias. No Pantanal mato-grossense, as equipes continuam combatendo o fogo em três pontos do bioma. Em Mato Grosso, foram registrados 100 focos de calor entre estas segunda e terça-feira, conforme última checagem, às 17h10, em sistema do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). 

O combate ao incêndio no Morro São Jerônimo teve início na noite da última quarta-feira. O fogo foi considerado extinto na tarde desta terça, após não serem mais detectados pontos de incêndio na região.

Já no Pantanal, os bombeiros continuam o combate a um incêndio entre a área federal do Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense e a Reserva Particular do Patrimônio Natural Estância Dorochê. O incêndio está em um local de difícil acesso, sendo necessário o uso de helicóptero para o transporte dos militares e um avião para o despejo de água.

Além desse, também está sendo combatido um incêndio em Porto Conceição, em Cáceres (218 km de Cuiabá), com a divisão dos bombeiros às margens do Rio Paraguai. Na Fazenda Cambarazinho, em Poconé (104 km de Cuiabá), os militares trabalham no rescaldo para evitar a reignição do fogo.

Estrutura

Atuam no Pantanal mato-grossense 36 bombeiros, sete servidores do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), oito servidores da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e cinco servidores da Defesa Civil do Estado.

Este efetivo conta com o apoio de um avião, um helicóptero, oito caminhonetes, cinco pás-carregadeiras, quatro caminhões auto tanque, duas escavadeiras, duas motoniveladoras, duas patrolas, dois quadriciclos, um caminhão pipa, uma pá carregadeira e um trator.

Além disso, também participam das ações brigadistas do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), e integrantes do Exército Brasileiro, Força Nacional, Marinha do Brasil, Polícia Federal e Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

O Batalhão de Emergências Ambientais (BEA) faz o monitoramento de todos os incêndios florestais do Estado, via satélite, para orientar as equipes em campo.

A estiagem severa e a baixa umidade do ar têm contribuído para a propagação das chamas e o Corpo de Bombeiros pede que a população colabore e respeite o período proibitivo. A qualquer indício de incêndio, os bombeiros orientam que a denúncia seja feita pelos números 193 ou 190.

Focos de calor

Em Mato Grosso, foram registrados 100 focos de calor entre segunda-feira (8) e terça-feira, conforme última checagem, às 17h10, no Programa BDQueimadas do Inpe. Desses, 60 se concentram na Amazônia, 25 no Cerrado e seis no Pantanal. Os dados são do Satélite de Referência (Aqua Tarde).

Importante ressaltar que o foco de calor isolado não representa um incêndio florestal. Entretanto, um incêndio florestal conta com o acúmulo de focos de calor.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet