Cuiabá, sábado, 23/03/2019
08:39:45
informe o texto

Notícias / Esportes

08/03/2019 às 14:10

Embaixadora da ONU Mulheres, jogadora Marta cobra igualdade de condições

Redação Leiagora

A brasileira Marta, eleita seis vezes a melhor jogadora de futebol do mundo pela FIFA, publicou um vídeo nesta sexta-feira (8), em suas redes sociais, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

Em seu breve pronunciamento, transcrito em inglês na publicação, a atleta reforçou a importância da igualdade de gênero e lembrou ser embaixadora da ONU Mulheres, função que ocupa desde julho de 2018.

"Feliz Dia Internacional da Mulher. Como embaixadora global da ONU Mulheres, esta data é importante para mim, pois é uma grande oportunidade de lembrar aos homens e às mulheres a importância de dar igualdade de condições às meninas e às mulheres, para que elas exerçam seus direitos e desenvolvam todo seu potencial?, afirmou.

No ano passado, em entrevista ao ex-jogador e comentarista Casagrande, veiculada pelo Esporte Espetacular (Globo), Marta chorou ao relembrar preconceito sofrido por ser mulher ainda no início da carreira, quando jogava futsal entre meninos. "Quando estava no segundo ano de uma competição de futsal, o treinador de outra equipe disse: 'Se deixar a menina jogar, vou tirar o meu time'. Aquilo doeu tanto em mim. Eu pensei: ?Poxa, estou fazendo algo errado? Então por que Deus me deu esse talento??" contou com lágrimas nos olhos.

Marta, que atua pelo Orlando Pride, dos Estados Unidos, tem 33 anos de idade e joga pela seleção brasileira desde 2002. Ela conquistou a medalha de prata nas Olimpíadas de Atenas, em 2004, e Pequim, em 2008. Em Copas do Mundo, seu melhor resultado foi o vice-campeonato em 2007.

Direto de São Paulo, Folhapress

Preencha seu email abaixo para receber atualizações diárias de nossos artigos
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet