Cuiabá, terça-feira, 19/03/2019
17:15:55
informe o texto

Notícias / Ciência, Saúde e Tecnologia

14/03/2019 às 17:00

Entenda como jogar tênis ajuda o corpo e a mente

Redação

Entenda como jogar tênis ajuda o corpo e a mente

Foto: jmdurbanismo.com.br

Uma boa partida de tênis não é privilégio para Roger Federer, Rafael Nadal ou Gustavo Kuerten. Muitos têm buscado nesse esporte a chance de adquirir qualidade de vida, tanto física quanto mentalmente.

Os benefícios do tênis não ficam só por conta da perda de calorias, por trabalhar diversos músculos e por ser um esporte completo que desenvolve o condicionamento. A atividade também é garantia de autoestima e confiança, já que o jogo é cheio de desafios e recompensas, o que acaba potencializando o psicológico do atleta.

Para se ter uma ideia, uma hora de prática pode queimar até 500 calorias, quantidade semelhante à da corrida ou ciclismo. A movimentação rápida exigida na quadra pode ser aliada de quem deseja perder alguns quilos.

Benefícios

Pernas, braços, costas e abdômen são trabalhados durante a prática. Os diferentes movimentos em diferentes velocidades testam uma variedade de músculos e, consequentemente, os fortalecem e garantem massa muscular.

Além disso, os níveis de energia mais elevados aumentam o ritmo cardíaco, garantindo mais saúde e resistência. O tênis pode auxiliar na prevenção de doenças cardíacas e vasculares, como ataques cardíacos e derrames.

Outro dado importante: além de reflexos mais rápidos e coordenação motora, o tênis ajuda a desenvolver o pensamento estratégico e tático. Durante o jogo, o atleta aprimora seu foco e poder de decisão. O esporte possibilita que o praticante monte o seu próprio jogo de acordo com o seu biotipo físico e genético, sem a interferência de ninguém. A autoestima, confiança e otimismo acabam sendo consequências da prática regular.

 

Sem restrições

O tênis pode ser praticado desde a infância até a terceira idade, respeitando sempre os limites de cada atleta. Antes de iniciar a prática regular, assim como para qualquer atividade física, é recomendado o acompanhamento médico, principalmente para quem tem mais de 40 anos.

O mais importante é ter interesse, força de vontade e resiliência. É recomendada regularidade para a fixação de movimentos e, sempre que possível, treinar acompanhado.

 

 

Direto da Redação, Anderson Firmino/Estadão Conteúdo

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Preencha seu email abaixo para receber atualizações diárias de nossos artigos
 
Sitevip Internet