Cuiabá, domingo, 16/06/2019
09:44:41
informe o texto

Notícias / 300 Cuiabá

25/03/2019 às 14:20

De vila à cidade

Bárbara Fontes

De vila à cidade

Foto: Expedição de Alexandre Rodrigues Ferreira (prospecto da “Villa do Bom Jesus de Cuyabá”/Igreja do Rosário)

Em 1723, encontrou-se ouro por acaso na região onde hoje se encontra a igreja de São Benedito, batizada de as “Lavras do Sutil”, com essa descoberta, novos ranchos são construídos e assim inicia uma povoação menos nômade e mais organizada. Em 1723, é erigida a igreja da Matriz (onde está a atual).  Em 1726, chega ao arraial, o capitão-mor Rodrigo César de Menezes, representante do Reino de Portugal, eleva o arraial do Cuyaba à categoria de vila, com o nome de Vila Real do Senhor Bom Jesus de Cuiabá. Nesse período, a capital da Capitania de Mato Grosso era Vila Bela da Santíssima Trindade. Somente em 17 de setembro de 1818, a vila foi elevada à condição de cidade. Somente em 28 de agosto de 1835, Cuiabá se torna capital da província de Mato Grosso, mantendo-se até os dias atuais.

*Os capítulos da saga A História da Fundação de Cuiabá foram construídas graças às seguintes fontes bibliográficas: Annaes do Sennado da Camara do Cuyabá 1719 = 1830 (Arquivo Público de Mato Grosso); Erros e Mitos na História de Mato Grosso (Paulo Pitaluga) e Wikipédia.   
 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Carlos Lima 27/03/2019 às 00:00

    Muito interessante. Orgulho da cidade de Cuaiba. Parabéns pelos seus 300 anos.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet