Cuiabá, terça-feira, 20/08/2019
04:36:11
informe o texto

Notícias / Arte & Cultura

23/04/2019 às 09:18

História do curso de comunicação da UFMT é contada por ex-aluna de jornalismo

O livro retrata a cronologia do curso, perpassando as gestões do centro acadêmico desde sua fundação

Leiagora

No ano em que o curso de Comunicação Social da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) completa 26 anos de funcionamento,  o livro-reportagem “Somos todos COS! – História do Movimento Estudantil de Comunicação Social da UFMT” é  lançado pela jornalista cuiabana Celly Silva, trazendo uma homenagem aos ex-alunos que deixaram sua marca na construção de uma educação de qualidade,  por meio de suas atuações no Centro Acadêmico de Comunicação Social (Cacos) e na Executiva Nacional de Estudantes de Comunicação Social (Enecos), além de lembrar professores e jornalistas do mercado local, que,  ainda nos anos 80, fomentaram a criação da faculdade em Mato Grosso.

Fruto de um projeto experimental, o livro-reportagem é  dividido em duas partes: a primeira, contando a cronologia do curso, perpassando as gestões do centro acadêmico desde sua fundação,  em 1991, por comunicadores hoje consagrados, como Aline Cubas, Ademar Adams, Luzimar Collares e Justin Fiori, até meados dos anos 2000, época que encerrou um ciclo de luta em prol da construção  do prédio próprio da faculdade. A segunda parte da obra traz uma série de perfis  escritos a partir de entrevistas com os ex-militantes: Ademar Adams, Jonas da Silva, Lairce Campos, Yuri Kopcak, Janaina Pedrotti , Carol Araújo,  Evandro Birello  e Carlos Augusto dos Santos.  

De acordo com a autora, que foi militante estudantil, o livro busca reconhecer o trabalho dessas figuras em favor do ensino público e causar a reflexão, nos atuais estudantes e leitores em geral, sobre a importância de valores como a coletividade,  a solidariedade, a responsabilidade social. “É comum , na universidade pública, ouvir reclamações dos alunos sobre a falta de professores, de equipamentos,  de verba para projetos... Por outro lado, é difícil encontrar pessoas dispostas a fazer algo para mudar essa situação. E quando isso acontece, é raro o reconhecimento. O livro é  uma forma de resgatar a memória e agradecer a essas pessoas que deixaram seu legado, que, de pouco em pouco, foram fazendo do curso de Comunicação Social da UFMT  uma referência”, afirma Celly Silva.

Disponível na versão e-book e também  impresso, “Somos todos COS!” será  lançado no dia 17 de maio, às 18 horas, no Centro Cultural  da  UFMT, juntamente com outras publicações  da Editora Universitária. A entrada é  gratuita.

Serviço
O quê: Lançamento do livro-reportagem “Somos todos COS!  - História do Movimento Estudantil de Comunicação Social da UFMT”
Quem: autoria da jornalista Celly Silva
Quando: 17 de maio, às 18 horas
Onde: Centro Cultural da UFMT 
Informações: 65 8153-9213
 
Da assessoria

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet