Cuiabá, terça-feira, 15/10/2019
14:43:47
informe o texto

Notícias / Cidades

30/05/2019 às 17:44

​"Tá faltando um monte de coisa", denuncia familiar de paciente do PS que teve que comprar insumos

Iury Lupaudi

​

Foto: Reprodução internet

Dona Esther está com uma familiar internada no  Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá, a mesma precisa trocar o curativo diariamente, mas para que isso acontecesse nesta quinta-feira(30) ela precisou comprar os insumos que estavam em falta.

Ao Leiagora/LTV, por vídeo feito com o  celular, a denunciante mostra os produtos que comprou.

"Gases, luvas, material de procedimentos. Está tudo aqui", disse a acompanhante que guardou nota fiscal da compra para comprovar.

Esther, que é do interior de Mato Grosso, disse ainda que o problema atingiu outras pacientes do Pronto Socorro. Quem conseguiu comprar o material teve o curativo substituído, quem não conseguiu, ficou com o mesmo.

Já seriam dois dias com falta de insumos na unidade que é responsabilidade da prefeitura de Cuiabá.

Outro lado:

Por meio de nota, a Secreta informou que ria Municipal de Saúde informou que o Centro de Distribuição de Medicamentos e Insumos de Cuiabá – CDMIC realiza entregas quase diariamente de medicamentos e insumos no Pronto Socorro Municipal.

E confirma que as faltas pontuais de alguns itens que deixaram de ser entregues pelo fornecedor, mas explica que eles têm sido suprido de forma emergencial para não prejudicar os atendimentos.

Nos dias 07 e 10 de junho, chegarão ao CDMIC duas compras grandes de medicamentos e insumos que serão suficientes para abastecer a rede por pelo menos 90 dias.

Ainda ressaltou que na última semana o Pronto Socorro recebeu um número muito grande de pacientes oriundos de outras cidades, o que pode ter contribuído para a falta de alguns insumos.

Vídeo Relacionado

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Como você acha que está a violência em Mato Grosso neste ano?

Você deve selecionar uma opção
Enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet