Cuiabá, quarta-feira, 17/07/2019
10:42:46
informe o texto

Notícias / Agronegócio e Economia

19/06/2019 às 16:28

Maior subvenção para seguro rural é positiva no Plano Safra

A opinião é do presidente da Federação das Cooperativas Agropecuárias

Leiagora

Maior subvenção para seguro rural é positiva no Plano Safra

Foto: Ricardo Alfonsin Advogados

O Plano Safra 2019/2020 anunciado pelo governo federal nesta terça-feira, dia 18 de junho, em Brasília (DF), foi dentro do possível, sem grandes surpresas. A opinião é do presidente da Federação das Cooperativas Agropecuárias do Rio Grande do Sul (FecoAgro/RS), Paulo Pires.

Para o dirigente, o grande fator positivo foi a alocação de pré-equalização do seguro rural de R$ 1 bilhão, valor que significa mais do que o dobro do orçado no ano passado. Pires destacou que o seguro rural é uma política pública importante porque hoje o produtor tem um custo elevado de investimento.

"Temos que ter um modelo de seguro como qualquer país desenvolvido em agricultura possui. A agricultura é uma indústria a céu aberto, por isso há riscos de ocorrer perdas e estas devem ser pagas através de um fundo ou de uma equalização por parte do governo federal", salientou.

Conforme o presidente da FecoAgro/RS, um aspecto negativo desse Plano Safra é o aumento na taxa de juros para o grande produtor de 7% para 8%, assim como para o programa de armazéns. No entanto, Pires enfatizou que o governo sempre sinalizou que tinha a intenção de manter o mesmo volume de recursos e que para isso seria necessário elevar os juros.

"Mesmo assim, foram anunciados incentivos importantes como, por exemplo, o financiamento para a assistência técnica", ressaltou.

Pires afirmou que o importante é o produtor ter recursos na hora certa, com os volumes necessários que a agricultura demanda.

"Afinal, a agropecuária brasileira é a grande protagonista da economia do Brasil nos últimos anos, então para que continue tendo resultado não podem faltar recursos. Acredito que o governo foi muito pontual nisso", observou o dirigente, saudando a participação do presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Márcio Lopes de Freitas, que falou em nome do setor agropecuário durante o lançamento do Plano Safra.

"Ele tem um conhecimento extraordinário do setor agropecuário brasileiro e principalmente do setor cooperativista do país", concluiu. 

 
Direto de Porto Alegre / Agência Safras 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Qual seu posicionamento em relação a Reforma da Previdência?

Você deve selecionar uma opção
+enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet