Cuiabá, quinta-feira, 17/10/2019
02:35:38
informe o texto

Notícias / Política

28/08/2019 às 14:30

Botelho reclama de ‘falta de interesse’ de deputados para discutir PL Cota Zero; votação é prorrogada

Ele propôs a criação de uma comissão para analisar o impacto que a mensagem poderá trazer ao meio ambiente e para quem sobrevive da pesca.

Fernanda Leite

Botelho reclama de ‘falta de interesse’ de deputados para discutir PL Cota Zero; votação é prorrogada

Foto: Assessoria

Presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado estadual Eduardo Botelho (DEM), prorrogou na sessão noturna dessa terça-feira (27) o prazo para apreciação do Projeto de Lei nº 668/2019 – referente ao ‘Cota Zero”, que proíbe a comercialização e o transporte de pesca amadora em Mato Grosso pelo período de cinco anos a partir de 2020.

Ele reclamou também da ‘falta de interesse’ dos demais parlamentares para discutir o projeto de autoria do Executivo e propôs a criação de uma comissão para analisar o impacto que a mensagem poderá trazer ao meio ambiente e para quem sobrevive da pesca.

“É um assunto que precisamos debater muito e estou propondo a criação de uma Comissão com dois deputados favoráveis ao texto, dois contra e um neutro. Convidei o deputado Valdir Barranco (PT), mas ele não pode. A maioria dos deputados não querem entrar, mas precisam. É polêmico, mas precisa ser discutido”, opinou o presidente da AL.

A ideia, conforme Botelho, é que os deputados que irão compor a Comissão visitem outros estados que implantaram a mesma proposta, participem ativamente de audiências e ouça os pescadores, vendedores de iscas e outros que serão afetados com a lei.

“Temos que chegarmos a um projeto responsável, porque ele é de impacto grande, mexe com meio ambiente. Estou dando oportunidade para aprovarmos o melhor e, por isso, alonguei o calendário”, discursou na tribuna.

O deputado Elizeu Nascimento (DC) se colou à disposição para compor à Comissão, caso não tenha interferência do Executivo. Ele sugeriu também os nomes dos deputados Ludio Cabral (PT) para compor na posição de neutro e do deputado João Batista, na posição de contra à mensagem.

“Nada mais que justo incluir alguém que já está participando deste processo. Ludio pediu para entrar como neutro. E o João Batista também está participando de audiências. E dependendo de quem entrar na Comissão, eu vou repensar e retirarei meu nome. Pois, de fato é prejudicial ao povo de Mato Grosso, eu deixo claro o meu posicionamento em todos os lugares que eu vou discutir sobre esse assunto”, pontuou o parlamentar que é contra.

O deputado Xuxu Dal’Molin (PSC) propôs para que os blocos da Casa apresentem nomes para compor a comissão e pediu isonomia na avaliação de projetos ligados ao meio ambiente.

“É só respeitar a proporcionalidade dos blocos. O senhor [Botelho] indica as pessoas, é uma sugestão. Gente estou muito feliz porque a Assembleia está comprando a briga, preocupado com emprego, com a cultura. Mas  quero pedir isonomia, eu já ouvi de deputado que não pode arrancar uma árvore madura para fazer o manejo, que produtor não pode produzir de forma sustentável. E agora, vamos autorizar tirar o peixe? Temos que discutir sustentabilidade”, disse o parlamentar.

Novo calendário projeto Cota Zero

29/10 Última audiência pública, com a presença da secretária de Estado de Meio Ambiente (Sema), Mauren Lazzaretti e a Formação da Comissão

13/11 Reunião e votação na Comissão de Meio Ambiente

13/11  Discussão e primeira votação em plenário (se aprovado)

26/11  Votação  Comissão de Constituição e Justiça (CCJ)  ( se aprovado)

27/11  Segunda votação em plenário

03/12  Devido inclusão de emendas, haverá a terceira votação em redação final  
 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Como você acha que está a violência em Mato Grosso neste ano?

Você deve selecionar uma opção
Enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet