Cuiabá, segunda-feira, 16/09/2019
22:50:17
informe o texto

Notícias / Geral

07/09/2019 às 08:00

Investimento em presídios é fundamental para desmontar crime organizado

O isolamento das lideranças criminosas durante a reforma iniciada em 12 de agosto

Leiagora

Investimento em presídios é fundamental para desmontar crime organizado

Foto: Assessoria

Os investimentos realizados no sistema penitenciário, como a aplicação de recursos para a conclusão, até o fim do ano, de uma penitenciária em Várzea Grande com vaga para 1.008 presos e um Centro de Detenção Provisória em Peixoto de Azevedo com 256 vagas para o primeiro semestre de 2020, são ações que devem desafogar o sistema penitenciário em Mato Grosso.

Durante visita ao Centro de Detenção Provisória de Pontes e Lacerda (443 km a Oeste) na quinta-feira (05.09), o supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Penitenciário (GMF), desembargador Orlando Perri, destacou que o governo de Mato Grosso ainda precisa fazer mais pela área, pois o orçamento para o setor não é suficiente para investimentos necessários, em razão dos limites da Lei do Teto de Gastos e da situação financeira do estado de Mato Grosso.

Contudo, ele elogiou a ação na Penitenciária Central do Estado, com reforma, limpeza e a organização da unidade. “A gente percebe que o Estado tem tomado outra postura nesta gestão, mas já nos reunimos duas vezes com o governador Mauro Mendes temos pedido para que se invista mais”, destacou Perri.

O isolamento das lideranças criminosas durante a reforma iniciada em 12 de agosto, sem contato extramuros e a suspensão das visitas, tiveram efeito na redução dos crimes de roubos, furtos e homicídios em Mato Grosso, mas o reflexo foi sentido especialmente na região metropolitana.

Apenas com a retirada de objetos das celas, como freezers, será possível aumentar 300 leitos na unidade, que está superlotada.  

O juiz de Execução Penal, Geraldo Fidélis, destacou que as lideranças de facções não estão do lado de fora dos muros das penitenciárias, mas dentro deles, e que a operação realizada na PCE foi sentida em todo o estado.

“São dos raios que vem as ordens para roubos de bancos, roubos de carro, para assassinatos. Como é possível desmontar o crime organizado? Investindo nos presídios, na estrutura física. A operação da Secretaria de Segurança na PCE retomando o controle da unidade”.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, disse em entrevista a veículos de comunicação na ultima terça-feira (04.09), que dois blocos da PCE já estão com as obras concluídas.

“As celas foram pintadas, as paredes em que haviam tomadas dentro das celas foram tampadas, o local foi higienizado e terá ventilação e iluminação externa. As lideranças criminosas estão sem comunicação extramuros e sem tomadas dentro das celas, não há como carregar os celulares e estão sem bateria, se é que já não acabou toda bateria”, destacou.

Ele defendeu que ação foi necessária pois o Estado é o gestor do presídio e havia a necessidade de organizar o ambiente, limpando e retirando objetos das celas que não eram permitidas por lei. Bustamante disse ainda que a ação foi planejada, os agentes penitenciários foram selecionados para a ação que foi informada para o juiz da Vara de Execuções Penais, Geraldo Fidélis, o supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Penitenciário, desembargador Orlando Perri, Ministério Público, Defensoria Pública e a Ordem dos Advogados do Brasil seccional de Mato Grosso (OAB/MT). 

 
Direto da redação, Débora Siqueira | Sesp-MT

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Você está satisfeito (a) com a gestão do governador Mauro Mendes?

Você deve selecionar uma opção
+enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet