Cuiabá, domingo, 22/09/2019
14:56:12
informe o texto

Notícias / Geral

11/09/2019 às 14:41

​Especialistas de vários países estarão em Florianópolis para discutir as doenças alérgicas e imunodeficiências

O 46º Congresso espera reunir cerca de 1.500 especialistas

Leiagora

​Especialistas de vários países estarão em Florianópolis para discutir as doenças alérgicas e imunodeficiências

Foto: Pebmed

“A Medicina Translacional nas Doenças Alérgicas” é o tema do 46º Congresso Brasileiro de Alergia e Imunologia, que este ano acontece na cidade de Florianópolis (SC), entre os dias 25 e 28 de setembro.

O evento espera reunir cerca de 1.500 pessoas, entre especialistas das áreas de Alergia, Imunologia, Pediatria, Pneumologia, Dermatologia, residentes e outros profissionais da Saúde. Palestrantes de renome nacional e internacional serão responsáveis pelas aulas durante o Congresso. Bélgica, Estados Unidos, Portugal, Suíça e Alemanha são alguns dos países que estarão representados.

“Estamos vivenciando uma era de grandes avanços tecnológicos na Medicina, o que tem nos possibilitado realizar um diagnóstico clínico preciso, além de identificar particularidades dos nossos pacientes, permitindo tratá-los de um modo efetivo. Esses avanços no diagnóstico e tratamento da asma, das doenças alérgicas e das imunodeficiências serão abordados em nosso Congresso”, explica Dr. Flavio Sano, presidente da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI), organizadora do 46º Congresso.

A comissão científica do evento preocupou-se em destacar os principais temas da especialidade, tanto na área científica como na parte clínica, do dia a dia do consultório. “Anafilaxia perioperatória”, “Poluição ambiental”, “Asma grave, asma de difícil controle e asma refratária - existem diferenças?”, “Imunizações: dúvidas do dia a dia”, “Triagem Neonatal no Brasil”, “Urticária crônica: em que ponto estamos?” e “Alergia alimentar na prática clínica” são alguns dos temas das aulas que poderão ser conferidas durante o 46º Congresso Brasileiro de Alergia e Imunologia (acesse Aqui a grade completa).

Além das palestras também acontecerão os já tradicionais cursos, como o de Imunoterapia na prática clínica, Dermatite de Contato, Uso clínico da imunoglobulina humana, Biologia molecular para o clínico e Avaliação da função pulmonar.

“O Congresso retorna à cidade de Florianópolis depois de 16 anos.  Mantendo o rigor usual, a equipe responsável pela organização científica está trabalhando atentamente para satisfazer o público exigente, que busca, principalmente, atualizar-se quanto aos avanços científicos e aprimorar sua prática clínica. Como inferido no tema do congresso, resultados de pesquisas básicas transferidos para pesquisas clínicas mostrarão os benefícios da integração da ciência para a saúde das pessoas alérgicas”, comenta Dra. Jane da Silva, Presidente do XLVI Congresso Brasileiro de Alergia e Imunologia.
Direto da assessoria, Gengibre Comunicação

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Você está satisfeito (a) com a gestão do governador Mauro Mendes?

Você deve selecionar uma opção
+enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet