Cuiabá, sábado, 19/10/2019
05:35:54
informe o texto

Notícias / Política

17/09/2019 às 07:25

‘Chamei uns de rinoceronte, mas carapuça serviu para o Barbudo’, diz Bezerra

Emedebista afirma que jamais teve desavença com Barbudo e o partido de ambos podem caminhar juntos

Fernanda Leite

‘Chamei uns de rinoceronte, mas carapuça serviu para o Barbudo’, diz Bezerra

Foto: Reprodução internet

Presidente do MDB Mato Grosso, deputado federal Carlos Bezerra, alega que não tem desavença com o líder do PSL no Estado, deputado federal Nelson Barbudo e que chamou alguns eleitos na eleição passada de ‘rinoceronte’.

A declaração do emedebista ocorreu após ser indagado sobre uma possível aliança entre o MDB com o PSL nas eleições de 2020. “Se tem rusga é da parte dele. Ele botou a carapuça na cabeça dele, eu nunca fiz a política uma coisa pessoal, mas coletivamente. Agora, por causa de despreparo, ele entendeu diferente. Eu comentei que foram eleitos um monte de rinoceronte. Em São Paulo, por exemplo, teve um cacareco com 1,5 milhão de votos, a grande São Paulo estava indignada e por isso resolveram votar nele, assim como em Brasília, teve um golpista, assaltador eleito”, comentou o cacique do MDB.

Para o líder do PMD no Estado, a ‘onda Bolsonaro’ é uma falácia. “Ela usou a magistratura e mostrou que é despreparada, não conhece a legislação eleitoral, não conhece nada e está aí sendo cassada”, aponta.

Bezerra afirma ainda que os votos da senadora não são ‘transferíveis’. “É uma bolha, Bolsonaro não é o mesmo e tem 20% da aprovação apenas. O efeito Bolsonaro já passou. É como um rio que transbordou e quando a chuva passa o rio volta ao seu leito normal. Naquele período houve uma disputa entre o PT e os anti PT e deu nisso aí que temos. Estamos tendo agora, uma mudança radical” avaliou.

Há alguns dias, Barbudo disse para  à reportagem do Leiagora que: a ‘Desavença com Carlos Bezerra não impede aliança entre PSL e MDB’ - “A possibilidade tem, mas é remota em função da minha desavença com o senhor Carlos Bezerra. Mas política é igual ao céu, cada vez que a gente olha está de um jeito. Então pode haver possibilidade? Pode. Se a executiva nacional achar que é a melhor opção, eu não sou ditador, então eu obedeço a maioria”, disse o deputado do PSL. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Enquete

Como você acha que está a violência em Mato Grosso neste ano?

Você deve selecionar uma opção
Enquetes
 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet