Cuiabá, sexta-feira, 22/11/2019
04:08:53
informe o texto

Notícias / Polícia

07/10/2019 às 08:23

Operação é deflagrada para fechar garimpo ilegal

Além do prejuízo ambiental, a atividade aumentou o número de criminalidade na região de Aripuanã.

Luzia Araújo

Policiais federais e outros profissionais da Segurança Pública e do Meio Ambiente estão neste momento no município de Aripuanã (883 km distante de Cuiabá) para encerrar as atividades de um grande garimpo ilegal na cidade. A ação faz parte da 2ª fase da Operação Trype.

De acordo com informações da autoridades, o garimpo está causando um grande prejuízo ambiental na região, além do aumento da criminalidade no município, como roubo, furto, homicídio e prostituição. 

Participam da ação 160 policiais e servidores da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e Ibama. 

No dia 26 de setembro, a Polícia Federal deflagrou a primeira fase da operação em quatro municípios de Mato Grosso, para investigar irregularidades na extração de ouro em garimpos do Estado. Os mandados de prisão estão sendo cumpridos nas cidades de Juína, Aripuanã, Alta Floresta e Paranaíta.
 
A operação foi deflagrada após um avião carregado de ouro ser apreendido na cidade de Aripuanã, em junho deste ano. Dois homens foram presos no flagrante. Na aeronave foram encontrados 6,5 quilos de ouro avaliados em R$ 7 milhões.

As investigações apontaram que a comercialização ocorria por meio de um articulado esquema de lavagem de dinheiro, envolvendo emissão de documentos falsos e uso de contas bancárias abertas para esta específica finalidade criminosa.

Nome da operação

O nome da operação deriva da palavra grega “trypes” que significa “buracos”. Esta é uma alusão à situação em que ficou a região após a ação dos criminosos.
 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet