Cuiabá, quinta-feira, 14/11/2019
02:41:13
informe o texto

Notícias / Judiciário

08/11/2019 às 17:24

Gilmar Mendes diz que Justiça não deve ser usada para eliminar adversário político

Para ele soltura de Lula é encarada com normalidade e a vida segue

Camila Paulino e Alline Marques

Gilmar Mendes diz que Justiça não deve ser usada para eliminar adversário político

Foto: CADU GOMES

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse que a política precisa ser feita com diálogo e não com radicalismo, utilizando inclusive da Justiça para eliminar adversários políticos. A declaração foi dada nesta sexta-feira (8), um dia após o STF derrubar a prisão em segunda instância e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ser solto favorecido pela decisão. Mendes, junto com outros cinco ministros, defendeu a prisão somente após o trânsito em julgado dos processos.

Mesmo sem citar nomes, a declaração faz alusão ao fato de Lula ter sido preso e impedido de disputar a eleição em 2018 contra o presidente eleito Jair Bolsonaro. Vale destacar ainda que as investigações da Lava Jato, que resultaram na prisão de Lula, foram iniciadas e comandas pelo então o ministro Sérgio Moro.

“A política é feita com diálogo. Vejo isto com absoluta normalidade. Normalizar o sistema político, deixar os políticos falarem, não ter uma intervenção excessiva de nós juízes, promotores, delegados, a democracia representativa se faz com os políticos, restabelecer este diálogo, adversariedade é normal do processo, mas não a inimizade, ninguém tem que querer matar ou eliminar seu adversário politicamente ou usar a justiça para eliminar seu adversário”, afirmou em entrevista coletiva realizada durante visita do ministro no Hospital Municipal de Cuiabá, na tarde de hoje.

Mendes disse ainda que a decisão que derrubou a prisão em segunda instância deve ser encarada com normalidade, assim como a soltura do ex-presidente. “É uma novidade hoje, amanhã ele (Lula) está em casa e a vida segue normalmente”, afirmou.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet