Cuiabá, segunda-feira, 10/08/2020
07:41:34
informe o texto

Notícias / Geral

07/12/2019 às 16:21

'Quem fizer desmatamento ilegal deve ser punido’, afirma engenheiro florestal

Mato Grosso foi o segundo Estado que mais desmatou

Gabriella Arantes

'Quem fizer desmatamento ilegal deve ser punido’, afirma engenheiro florestal

Foto: Reprodução

Durante uma entrevista para o Leiagora, o presidente da Associação Mato-grossense dos Engenheiros Florestais (AMEF), Benedito Carlos de Almeida, afirmou que o desmatemto em Mato Grosso precisa ser combatida de forma veemente e a Lei Federal contra o desmatamento 2019/1 precisa ser aplicada.

“Quem cometer esse ilícito deve ser punido no vigor da lei. Nós, enquanto engenheiros florestais e responsáveis técnicos pelo desenvolvimento sustentável do Estado, estamos extremamente favoráveis ao desmatamento ilegal”, disse o engenheiro florestal.

De acordo com dados do Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal por Satélite (Prodes), Mato Grosso foi o segundo Estado que mais desmatou no período analisado, atrás apenas do Pará. Atingindo 1.685 quilômetros quadrados de desmatamento. 

O presidente da AMEF, também esclareceu que que existe alguns agentes que contribuem para o desmatamento ilegal. “ Uma das principais causas da retirada da vegetação nativa é  o grileiro e o garimpeiro, que entram na propriedade de forma ilegal e desmatam”, conclui. 

Para evitar a propagação do desmatamento e exploração florestais ilegais, a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) iniciou o trabalho de notificação remota via ligação telefônica. O objetivo é alertar os proprietários de imóveis para que as infrações ambientais não prossigam.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet