Cuiabá, domingo, 19/01/2020
11:26:46
informe o texto

Notícias / Polícia

09/12/2019 às 12:43

Em investigação de homicídio, mulher é presa e armas apreendidas

As investigações continuam para esclarecimento do homicídio.

Leiagora

Armas de fogo, munições e materiais para prática de pesca ilegal foram apreendidos pela Polícia Judiciária Civil, na sexta-feira (06), na cidade de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), durante diligências para apurar um crime de homicídio. 

A ação foi deflagrada pela Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (Dhpp) do município, para cumprimento de mandado de busca e apreensão decretado pela 1ª Vara Criminal da Comarca local. Além das apreensões, uma mulher foi presa. 

J.S.S. de 28 anos foi autuada por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido, posse irregular de arma de fogo de uso permitido e por transportar, comercializar, beneficiar ou industrializar espécimes provenientes da pesca proibida.

O crime em investigação ocorreu na noite do dia 24 de outubro, em uma rua do bairro Sagrada Família. Na ocasião, dois homens armados, em uma motocicleta, se aproximaram de Cleyton Freitas Vieira, 27, e disparam contra ele. A vítima foi atingida na região das costelas e ombro, indo a óbito no local.

No decorrer das diligências, o marido da conduzida, O.P.S. de 51 anos, foi identificado como um dos envolvidos no homicídio. Diante dos indícios, a Polícia Civil representou pelo pedido de busca e apreensão domiciliar do investigado, deferido pela Justiça.

De posse da ordem judicial os policiais civis foram até o endereço alvo, no bairro Residencial Azaleias. O investigado não estava na casa e a equipe foi recebida pela mulher dele. 

Durante as buscas foram encontradas uma pistola calibre 380 com treze munições intactas, um cartucho calibre 36, diversos objetos de pesca como tarrafas, além de um freezer repleto de pescado e carne, aparentemente, de animal silvestre.

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental foi acionada para dar apoio na diligência e confirmou as irregularidades e localizou ainda mais uma espingarda calibre 32, um carregador calibre 22 e outra arma modelo Magnum de uso restrito.

Após as apreensões, a moradora, J.S.S., foi encaminhada para delegacia onde foi interrogada e autuada em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido, posse irregular de arma de fogo de uso permitido e por transportar, comercializar, beneficiar ou industrializar espécimes provenientes da pesca proibida.

As investigações continuam para esclarecimento do homicídio, entre outras providências que o caso requer.

 
Com informações da Assessoria PJC/MT

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet