Cuiabá, terça-feira, 29/09/2020
13:05:54
informe o texto

Notícias / Política

12/02/2020 às 11:35

Comissão de Ética acompanha relator e vota pela cassação de Abílio; VEJA VÍDEO

A análise do vereador, que apurou quebra de decoro por parte de Abílio, foi apresentado na manhã desta quarta-feira (12).

Alline Marques

Comissão de Ética acompanha relator e vota pela cassação de Abílio; VEJA VÍDEO

Foto: Leiagora

Após atraso de quase três horas devido à ausência do vice-presidente da Comissão de Ética, Vinicius Hugueney (PP), o vereador Ricardo Saad (PSDB), relator do processo, sugeriu a cassação de Abílio Junior (PSC), em seu relatório final apresentado na Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara de Cuiabá.

A análise do vereador, que apurou quebra de decoro por parte de Abílio, foi apresentada na manhã desta quarta-feira (12), em reunião extraordinária da comissão. A sessão estava prevista para às 7h, mas foi suspensa e remarcada para às 10h, devido ao atraso do vice-presidente. Vinicius alegou ter uma entrevista marcada neste horário, por isso, chegou atrasado.

O relator apontou que as atitudes de Abilio denegriu a imagem da Câmara. 

O processo de cassação de Abílio foi instaurado em outubro de 2019, após representação do ex-vereador e primeiro suplente de Abílio, Oseas Machado. ​No pedido, o ex-parlamentar aponta excessos cometidos pelo colega no decorrer do seu mandato.

Além dos membros da Comissão de Ética e do próprio Abilio, também estão presentes na reunião os vereadores Diego Guimarães (PP), Felipe Wellaton (PV) e Wilson Kero Kero (PSL).


Atualizada às 11h42 -  Após o relator proferir o voto, a defesa de Abílio pediu a fala, mas o presidente da Comissão negou alegando se tratar de uma reunião da comissão e apenas os memebros têm a prerrogativa. 

11h44 - Abílio levou dois representantes do Tribunal de Defesa das Prerrogativas da OAB-MT, Diogo Fernando Pécora de Amorim e Otavio Gargaglione Leite da Silva. Os advogados alertaram o presidente sobre o direito à ampla defesa. Mesmo assim, Toninho de Souza negou o direito a fala por parte da defesa do parlamentar, represetada pelo advogado Carlos Rafael. 

11h45 - A defesa de Abílio quer passar um vídeo que seria referente um live feita pelo próprio Abílio na qual diz ter sido ameaçado de morte por outros vereadores. O vídeo está anexado ao processo. 

11h50 - Os membros da Comissão de Ética acompanharam o relator e votaram pela cassação de Abílio. 

11h51 - Vinicius acompanhou o voto do relator, mas ressaltou que se ele fosse o responsável pelo relatório aplicaria apenas uma sanção ao vereador. 

11h52 - Ao final, Abílio chamou o presidente da Comissão, Toninho de Souza, de capacho do prefeito. 

11h53 - Diego e Abílio alegam que os vereadores querem anular a CPI da Saúde e consequentemente a Operação Sangria.

 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet