Cuiabá, sexta-feira, 25/09/2020
00:32:13
informe o texto

Notícias / Agro e Economia

14/02/2020 às 16:19

Após choque, carne fica mais barata e desacelera inflação ao consumidor

Leiagora

Após choque, carne fica mais barata e desacelera inflação ao consumidor

Foto: Agência Brasil

Passado o choque de preços impulsionado pela demanda chinesa, a carne bovina ficou mais barata em fevereiro, ajudando a desacelerar a inflação ao consumidor dentro do Índice Geral de Preços - 10 (IGP-10) do mês, informou nesta sexta-feira (14), a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC-10) subiu 0,43% em fevereiro, após uma elevação de 0,51% em janeiro. Quatro das oito classes de despesa registraram taxas de variação mais baixas, com destaque para o grupo Alimentação, que passou de alta de 1,96% em janeiro para avanço de 0,34% em fevereiro.

O item carnes bovinas saiu de um aumento de 8,78% em janeiro para um recuo de 4,49% em fevereiro.

Os demais decréscimos ocorreram nas taxas dos grupos Transportes (de 1,09% para 0,36%), Vestuário (de 0,45% para -0,55%) e Comunicação (de 0,22% para 0,09%).

Houve contribuição dos itens gasolina (de 3% para 0,18%), roupas (de 0,38% para -0,68%) e combo de telefonia, internet e TV por assinatura (de 0,43% para 0,06%).

Na direção oposta, as taxas foram mais elevadas nos grupos Educação, Leitura e Recreação (de -0,29% para 2,22%), Habitação (de -0,61% para 0,16%), Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,34% para 0,39%) e Despesas Diversas (de 0,20% para 0,25%), sob influência de itens como cursos formais (de 1,93% para 3,31%), tarifa de eletricidade residencial (de -3,41% para -0,15%), medicamentos em geral (de 0,01% para 0,16%) e serviços bancários (de 0,13% para 0,23%).
Estadão Conteúdo

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet