Cuiabá, segunda-feira, 21/09/2020
08:20:11
informe o texto

Notícias / Leia Rápido

18/03/2020 às 12:50

Mauro e Medeiros indispostos

Leiagora

Clima hostil ronda o deputado federal José Medeiros (Podemos) e o governador por Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM). E isso em razão de uma situação que não foi, efetivamente, provocada pelo chefe do Executivo.

A tensão surgiu diante do adiamento da eleição suplementar do dia 26 de abril, para preencher vaga no Senado deixada pela senadora cassada Selma Arruda (Podemos). A decisão foi tomada pela ministra Rosa Weber, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, que justificou o avanço do coronavírus no Brasil.

Depois do caso, Medeiros atribuiu a “culpa” do adiamento a Mauro. Disse que a decisão, ao contrário do que o governador tenta alegar, não considera a saúde da população, mas tem caráter eleitoreiro. 

Mauro Mendes teve que providenciar uma nota rebatendo cada ponto das alegações do deputado, e acrescendo que ele “ultrapassa o limite da razoabilidade”.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet