Cuiabá, segunda-feira, 21/09/2020
07:54:23
informe o texto

Notícias / Leia Rápido

30/03/2020 às 10:52

Decisão respeitada

Leiagora

Decisão respeitada

Foto: Christiano Antonucci/Secom-MT

O governador Mauro Mendes (DEM) informou nesta segunda-feira (30) que respeita a decisão do desembargador Orlando Perri, do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), e não pretende recorrer da liminar. O despacho do magistrado, assinado na noite de domingo (29), suspende trechos do último decreto estadual que adotou medidas de prevenção ao coronavírius no Estado. Contudo, a medida é válida exclusivamente para a prefeitura de Cuiabá.

Cabe ressaltar que o governador, ao assinar o novo decreto (que é mais permissivo com as atividades econômicas), informou que as prefeituras que quisessem adotar medidas diferentes deveriam usar embasamentos científicos para fazê-lo. Emanuel usou a Justiça com argumentos técnicos.

Saiba mais
Justiça decide em favor de Município e comércio continua fechado em Cuiabá

‘Não é preciso borras de café para se prever o desastre que pode acontecer’, avaliou desembargador

 
 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet