Cuiabá, domingo, 12/07/2020
14:52:31
informe o texto

Notícias / Política

06/06/2020 às 09:00

Irritado sobre fake news, Mauro desabafa e pede que Congresso acabe com 'malandragem' - veja

O governador Mauro Mendes disse ter sido vítima de fake news após diagnóstico de covid-19

Camilla Zeni

Irritado sobre fake news, Mauro desabafa e pede que Congresso acabe com 'malandragem' - veja

Foto: Tchélo Figueiredo/Secom

O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), deixou clara a sua irritação com uma notícia falsa que circulou nessa sexta-feira (5) e não poupou adjetivos para criticar a informação e quem a divulgou.

Ocorre que, na quarta-feira (3), o governo do Estado confirmou que Mauro teria sido infectado pelo novo coronavírus e, por isso, passou a se isolar em casa, de onde faz suas reuniões online e assina despachos. 

Contudo, depois do diagnóstico, um site de Cuiabá divulgou  a informação falsa de que ele teria ido, de jatinho particular, se tratar no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Na sexta-feira, mais cedo, a primeira-dama, Virgínia Mendes já tinha publicado imagens que desmentiam a informação. Mais tarde foi a vez do governador ter a palavra.

“Hoje no Brasil infelizmente tem esse tipo de malandragem, porque isso é malandro e tem muito por aí. A grande maioria da imprensa é feita por profissionais sérios, sites sérios, gente que trabalha honestamente e, aliás, presta um grande serviço à sociedade brasileira. Entretanto, tem uns malandros que escrevem o que querem”, disse Mauro, após chamar o autor da fake news de "malandro, safado".

Mauro pediu que os amigos Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, e Davi Alcolumbre, presidente do Senado, (ambos do Democratas), ajudem a acabar com "a malandragem da fake news".

"As redes sociais estão perdendo a credibilitade nesse país porque tem alguns poucos vagabundos que escrevem o que querem, falam o que querem, põem mentiras, inventam e fica por isso mesmo", completou.

Confira as declarações no vídeo:

 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet