Cuiabá, sexta-feira, 07/08/2020
05:13:39
informe o texto

Notícias / Polícia

02/07/2020 às 07:56

Após perseguição, suspeito de roubar carro morre ao reagir a abordagem em Várzea Grande

Uma mulher, suspeita de participar do crime, foi presa na ocorrência.

Luzia Araújo

Após perseguição, suspeito de roubar carro morre ao reagir a abordagem em Várzea Grande

Foto: Reprodução

Daniel Pereira Santana, 22 anos, conhecido também como "Lucas", morreu na noite dessa quarta-feira (1º), no bairro Jardim Alá, ao reagir a uma abordar dos policiais militares do 4º Batalhão, em Várzea Grande. Ele era suspeito de ter roubado um carro poucas horas antes. Uma mulher, suspeita de participar do crime, foi presa na ocorrência.   

Segundo informações do Boletim de Ocorrência, policiais do 4º Batalhão foram informados via rádio sobre o roubo de um veículo, modelo Honda Fit, na rua 7 de setembro. A equipe entrou em contato com a vítima que relatou que dois homens e uma mulher anunciaram o roubo, portando duas armas de fogo e que levaram o veículo e um celular. 

Nesse momento, os policiais foram informados que um carro com as mesmas características do veículo levado foi usado para praticar um roubo, na modalidade conhecida "arrastão", levando celulares de um grupo de jovens que estavam em frente a uma residência, do mesmo bairro. 

Com todas as informações repassadas, uma equipe do Gap conseguiu avistar o carro na bairro Jardim Alá, onde foi dada ordem de parada, porém o motorista acelerou em fuga. Foi feito acompanhamento até que em uma das ruas do bairro, o veículo parou e um dos ocupantes desceu com arma em punho. 

Os policiais atiraram contra o suspeito, porém ele conseguiu fugir a pé e o veículo continuou a fuga, entrando em uma rua sem saída, onde o motorista perdeu o controle da direção, subiu na calçada e colidiu contra um padrão de energia. 

O suspeito, que foragiu a pé com arma em punho, foi visto por populares entrando em uma residência. Os policiais foram até a casa, onde avistaram sinais de sangue e ouviram gritos. Lá, o suspeito ameaçou atirar contra um sargento que estava na equipe e mesmo com as ordens para se entregar ele resistiu e os policiais atiraram, atingindo o suspeito.

Uma mulher que estava com o suspeito foi presa e um terceiro comparsa conseguiu fugir. O suspeito baleado foi levado, ainda com vida, ao Pronto-Socorro de Várzea Grande, porém não resistiu ao ferimento e morreu. Um revólver calibre 38 com 03 munições intactas e 01 munição deflagrada foi apreendido na ocorrência. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet