Cuiabá, sexta-feira, 07/08/2020
05:50:16
informe o texto

Notícias / Política

02/07/2020 às 17:32

Emanuel exonera servidores da vice-prefeitura e reduz estrutura de Niuan

Servidora de licença maternidade está entre exonerados

Alline Marques

Emanuel exonera servidores da vice-prefeitura e reduz estrutura de Niuan

Foto: Secom-MT

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) exonerou todos os servidores da vice-prefeitura. Foram exoneradas dez servidores que atuavam diretamente ligados ao vice-prefeito, Niuan Ribeiro (Podemos), que está rompido com o chefe do Executivo.  O que chamou mais atenção foi a exoneração de uma servidora que está de licença maternidade. Dominique Moura Biancardini entrou de licença em março e foi desligada do cargo nesta quinta-feira (2). 



Além dela, outros servidores foram exonerados do cargo, com data desde 1º de julho e a estrutura ficou quase que extinta. No caso, o vice-prefeito como foi eleito não pode ser removido do cargo. A Prefeitura informou, em nota, que o ato faz parte da reforma administrativa, considerou um erro a exoneração de Dominique e disse que será corrigido. Adiantou ainda que o vice terá direito apenas ao chefe de gabinete, uma assessora de imprensa e um motorista. 

O deputado federal José Medeiros se manifestou nas redes sociais para falar sobre o assunto e considerou o ato de exoneração coletiva uma retaliação ao posicionamento do Podemos em Cuiabá, partido do qual Niuan Ribeiro faz parte. Além dele, a sigla ainda recebeu um dos principais adversários de Emanuel, o vereador Abílio Brunini. 

Logo nesta quinta, a ex-senadora Selma Arruda, presidente municipal do partido, também gravou vídeo criticando a gestão municipal pela retaliação à médica Margareth Cordeiro que foi colocada à disposição por ter apontados os problemas na unidade de saúde ao Ministério Público Federal. 

Medeiros, inclusive, relembrou que o vice rompeu com Emanuel "logo quando surgiu problemas de ordem ética, ele se afastou". E de acordo com ele, apesar das retaliações sofridas, Niuan vem mantendo a postura ética. Inclusive, Niuan é suplente de Medeiros na chapa para o Senado. Eles concorrem à vaga deixada por Selma, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico. 

O que diz a prefeitura?

Em nota, a prefeitura informou que a ação cumpre o prazo de 180 para implementação da reforma administrativa e 
explica que os cargos desses profissionais serão remanejados para áreas fins da prefeitura para otimização.

Confira íntegra da nota


O ato faz parte da reforma administrativa aprovada em janeiro de 2020 e previa prazo de 180 dias para implementação. O processo de exoneração de 13 servidores do gabinete do vice faz parte dessa ação, aprovada pela Câmara Municipal.

Foram exonerados 13 servidores e, por um erro, uma servidora que estava em licença maternidade. Mediante o equívoco, o ato de exoneração perderá os efeitos e ela será renomeada.

Esclareço que os cargos desses profissionais serão remanejados para áreas fins da prefeitura para otimização. O vice-prefeito terá a sua disposição, um motorista, um chefe de gabinete é uma assessora de imprensa.


 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • João Paulo 02/07/2020 às 00:00

    Emanuel apelou e mais uma vez se sujeitou a um papel ridículo perante a sociedade. Mas ele esquece que não se compra a dignidade das pessoas do bem. Niuan, mantenha seu propósito de Vice, o ano não acabou e muita coisa pode acontecer. Tamu junto.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet