Cuiabá, quarta-feira, 23/09/2020
10:15:38
informe o texto

Notícias / Política

25/07/2020 às 18:40

Todos os vereadores de Cuiabá devem participar do pleito deste ano

Dos 25 vereadores por Cuiabá, apenas dois não devem ir à reeleição neste ano. Trata-se dos vereadores Felipe Wellaton (Cidadania) e Adeviar Cabral (PTB),

Kamila Arruda

Todos os vereadores de Cuiabá devem participar do pleito deste ano

Foto: José Cruz / Agência Brasil

Os 25 vereadores por Cuiabá devem disputar a eleição municipal em 15 de novembro deste ano, porém, alguns deles visam a Prefeitura de Cuiabá e não a reeleição: são eles Abílio Junior (Podemos), Adevair Cabral (PTB) e Felipe Wellaton (Cidadania). O presidente da Câmara, Misael Galvão (PTB), também já foi lançado pré-candidato a prefeito pela sigla, mas ainda não admite a possibilidade e articula uma indicação para vice, caso Emanuel Pinheiro (MDB) decida concorrer novamente. 

Wellaton e Abílio ensaiam uma candidatura a prefeito e devem estar juntos no projeto da oposição. Uma pesquisa deve definir qual dos dois vai liderar essa disputa. O membro do Podemos inclusive reafirmou sua pré-candidatura a prefeito esta semana nas redes sociais.

Ambos, inclusive, trocaram de partido para se garantirem na disputa. Felipe deixou o PV pelo Cidadania e Abílio saiu do PSC para o Podemos. A intenção do grupo é dar uma alternativa para a população cuiabana e tirar Emanuel do comando do Executivo.

Já Adevair Cabral, defensor ferrenho da atual administração, está sendo cotado para vice do atual chefe do Executivo Municipal, com o aval de Misael. O problema é que o prefeito segue sem definição sobre seu projeto político. O nome do parlamentar está sendo trabalhado para o cargo desde o ano passado.

Os demais vereadores devem seguir para a reeleição. Atualmente, 13
legendas possuem representatividade na Câmara de Cuiabá. A grande maioria da base do prefeito como PSDB, Progressistas, PSB, PL, MDB, PTC, PTB, Avante e PV. Mesmo sem definição, Emanuel inclusive já comentou que conta com essas siglas para o projeto à reeleição. 

Da base, as 
maiores bancadas são do PSDB e dos Progressistas, cada uma com três parlamentares. A legenda tucana é representada pelos vereadores Toninho de Souza, Ricardo Saad e Renivaldo Nascimento. Já os progressistas são Luis Claudio, Marcrean Santos e Orivaldo da Farmácia.

Já na oposião estão Podemos, Cidadania, DEM, Solidariedade e PSD, que juntos contam com nove vereadores. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet