Cuiabá, quinta-feira, 24/09/2020
00:51:31
informe o texto

Notícias / Política

04/08/2020 às 10:55

DEM e PSDB podem caminhar juntos na disputa ao Senado

A articulação da aliança passa também pela eleição em Cuiabá. Para isso, Júlio Campos poderia recuar da disputa e compor com Nilson Leitão

Kamila Arruda

A unificação das eleições suplementares ao Senado Federal com o pleito municipal está fazendo com que diversos postulantes a uma vaga no Congresso Nacional repensem suas candidaturas. Ao que tudo indica, o DEM e o PSDB deverão se unir e lançar apenas um candidato à vaga deixada pela senadora Selma Arruda, cassada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no final do ano passado.

Inicialmente, a conversa seria para que o ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB) abrisse mão de sua candidatura para apoiar o ex-governador Julio Campos, integrando a chapa como primeiro suplemente. A sugestão, contudo, não agradou ao ninho tucano. Diante disso, já estaria definido que Julio irá recuar da candidatura na eleição ao Senado e apoiar o ex-deputado.

O democrata seria acomodado na primeira suplência, e o deputado estadual Dilmar Dal Bosco (DEM) seria o coordenador geral de campanha.

As agremiações aguardam apenas o retorno do governador Mauro Mendes (DEM), que está internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para tratar de uma pneumonia, para definir sobre a aliança e também a candidatura em Cuiabá.

Essa negociação passa ainda pela eleição majoritária rumo ao comando do Palácio Alencastro. Isto porque, o DEM estaria abrindo mão do Senado em troca do apoio tucano na disputa pela Prefeitura de Cuiabá.

A intenção do Democratas é desbancar o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Para tanto, dois nomes estão sendo cotados, sendo eles do presidente da Assembleia Legislativa Eduardo Botelho e do ex-deputado federal Fabio Garcia.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet