Cuiabá, segunda-feira, 21/09/2020
21:28:54
informe o texto

Notícias / Agro e Economia

12/08/2020 às 14:45

Empaer realiza capacitação online sobre as potencialidades do cultivo hidropônico

Com suporte técnico da empresa, já foram implantadas mais de 170 hidroponias no Estado.

Leiagora

Empaer realiza capacitação online sobre as potencialidades do cultivo hidropônico

Foto: João de Melo (Empaer)

Nesta quinta-feira (13), a partir das 8h, será realizada uma capacitação online sobre o cultivo hidropônico, com o pesquisador da Empresa Mato-grosssense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Nesvaldo Bento de Oliveira. A cada 15 dias serão realizadas capacitações exclusivamente para os técnicos da empresa, com temas sobre agricultura, pecuária, cadeias produtivas e outros. A previsão é realizar 10 capacitações até o final do ano.

O presidente da Empaer, Renaldo Loffi, explica que devido a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), as capacitações serão virtuais. Após a pandemia, os participantes terão aulas práticas no campo. Conforme Loffi, futuramente, com a experiência adquirida neste tipo de transmissão ao vivo, as capacitações serão voltadas também ao público externo, aos agricultores familiares, estudantes, pesquisadores, interessados no assunto e outros.

Leia mais: Militares e pantaneiros se unem no combate aos incêndios florestais


O objetivo da capacitação é apresentar a potencialidade do cultivo hidropônico com enfoque no sistema protegido, tecnologia que causa menor impacto ambiental, e a viabilidade econômica do uso da hidroponia na produção de verduras. O pesquisador Nesvaldo abordará o sistema que garante o cultivo o ano todo, mantendo a qualidade das folhas mesmo no período das chuvas, e que permite o consumo com menos resíduo de agrotóxico na planta.

Durante a transmissão, Oliveira dará enfoque às vantagens do cultivo, como a produção de verduras fora de época, o que reduz riscos de adversidades climáticas, evita a rotação de cultura, permite alta produtividade, mão de obra especializada, e menos funcionários para a realização do serviço, além de retorno econômico ao produtor rural.

Ele destaca que as verduras têm o mesmo período de crescimento que no sistema convencional, que é de 50 dias. Somente algumas técnicas são diferentes do cultivo tradicional, como a preparação das mudas em substratos inertes, que são transplantadas nas bancadas suspensas sem o contato com o solo, a produção fora de época, o baixo volume de água, entre outras.

Ao utilizar a hidroponia, o agricultor evita a degradação do solo e a agressão ao ambiente, além de economizar com produtos químicos. “A modernização na produção de hortaliças vem passando por transformações necessárias para melhorar a rentabilidade e competitividade. Tem exigido dos agricultores a utilização de tecnologias para melhorar a eficiência produtiva do sistema e aumentar a competitividade dos produtos”, esclarece.

Com 23 anos de experiência na área do cultivo hidropônico, Oliveira ressalta que já foram implantadas mais de 170 hidroponias no estado de Mato Grosso. Somente na Baixada Cuiabana, existem 80 estufas produzindo alface (Americana, lisa, mimosa, crespa, roxa), couve manteiga, agrião, rúcula, cheiro verde e outros.

A transmissão será realizada pela plataforma Google Meet com encerramento previsto para às 12 horas.

 
Assessoria Empaer

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet