Cuiabá, quinta-feira, 22/10/2020
20:03:01
informe o texto

Notícias / Política

18/09/2020 às 21:06

‘Não dá para se esperar muito de quem fraudou ata’, diz secretário-geral do PP a Medeiros

A resposta veio depois de Medeiros chamar Fávaro de mentiroso

Eduarda Fernandes

‘Não dá para se esperar muito de quem fraudou ata’, diz secretário-geral do PP a Medeiros

Foto: Reprodução

A campanha para o Senado nem começou oficialmente, mas já tem rendido troca de farpas pela imprensa. E apesar de o senador interino Carlos Fávaro (PSD) ter ignorado as declarações do deputado federal José Medeiros (Podemos), o parlamentar não ficou sem resposta. Isto porque Euzébio Diniz, secretário-Geral do Partido Progressista (PP), resolveu rebater o adversário do social-democrata.

“É lamentável que Medeiros desça a este nível. Já atacou a atriz Fernanda Montenegro, já atacou mulheres em diversas situações e agora decide assumir o picadeiro. Porque atribuir a Fávaro a responsabilidade pelas queimadas não é se candidatar ao Senado, mas sim a palhaço de circo. Com todo o respeito que os palhaços merecem. Mas não dá para se esperar muito de quem precisou fraudar uma ata para chegar ao Senado”, declarou Euzébio em nota enviada ao Leiagora.

A declaração traz à tona uma 'ferida' na carreira política de Medeiros que finalizou o mandato de senador cassado pela Justiça Federal que entendeu que a ata da campanha de 2010 do ex-senador Pedro Taques foi adulterada. Isto porque, o primeiro suplente não era o Medeiros e sim Paulo Fiuza, que depois caiu para segunda suplência. 

Leia também - Vini Huguenney oficializa sua pré-candidatura a vereador de Cuiabá

O conflito começou com um áudio divulgado por Medeiros, no qual ele faz ataques a Fávaro, pelo fato de o senador ter anunciado que se reuniu com o presidente Jair Bolsonaro. Isso porque, também nesta sexta, Fávaro divulgou material sobre seu encontro com o presidente na Base Aérea de Brasília, antes do embarque dele para a visita a Mato Grosso, e aproveitou a conversa para defender a importância da chegada da ferrovia Ferronorte a Cuiabá.

Revoltado, Medeiros classificou Fávaro como mentiroso e disse que os projetos ferroviários para Mato Grosso já haviam sido apresentados antes dele assumir interinamente a vaga no Senado.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet