Cuiabá, quarta-feira, 28/10/2020
01:17:29
informe o texto

Notícias / Política

15/10/2020 às 10:00

Pesquisa Vetor: em cenários de segundo turno Abílio leva vantagem

Foram feitos seis simulações de segundo turno e Emanuel sai derrotado em todos enquanto Abílio venceria.

Alline Marques

Pesquisa Vetor: em cenários de segundo turno Abílio leva vantagem

Foto: Assessoria

A pesquisa realizada pelo Instituto Vetor, contratada pelo Leiagora, também simulou alguns cenários de segundo turno entre os quatro principais candidatos a prefeito de Cuiabá. Em todos eles, Emanuel Pinheiro (MDB) sai derrotado. Na primeira simulação, o levantamento questiona quem venceria numa disputa entre o atual o emedebista e o vereador Abílio Junior (Podemos), e 44% dos entrevistados disseram votar no parlamentar, enquanto 24% votaria no atual chefe do Executivo. Outros 20% disseram que não votariam em nenhum e outros 12% não saber em quem votar.


Já num cenário entre Emanuel e Roberto França (Patriota), o ex-prefeito venceria com 35% dos votos, enquanto Emanuel teria 26%. A pesquisa aponta ainda que 28% não quer nenhum deles e 11% não sabem.


Na disputa entre o prefeito e Gisela Simona (Pros), a única mulher na disputa venceria com 35%, enquanto Emanuel ficaria com 25% da preferência dos votos. Outros 28% não votariam em nenhum deles e 12% ainda não sabem.




Num cenário entre Abílio e França, o vereador venceria com 38% e o apresentador ficaria com 24%. A amostragem aponta que 25% dos entrevistados não votaria em nenhum e 13% ainda não sabe em quem votaria nesta simulação de segundo turno.



O quinto cenário é entre Gisela e França, no qual o apresentador leva vantagem ficando com 32% da preferência dos entrevistados, enquanto a advogada tem 24%. Nesta simulação, 30% não quer votar em nenhum deles e 14% alegam não saber ainda em quem votar com ambos na disputa.



E num sexto cenário entre Abílio e Gisela, o vereador venceria com 37%, enquanto a candidata teria 23% dos votos. Pelo menos 26% não quer votar em nenhum deles e 14% ainda não se decidiram.



A pesquisa foi realizada com 800 pessoas entre os dias 9 e 12 de outubro, com intervalo de confiança de 95% e a margem de erro é de 3,5 pontos. A amostragem foi realizada de maneira quantitativa com a técnica Survey de opinião e as entrevistas foram presenciais. Os dados desta pesquisa foram registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número MT-02073/2020.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Paulo 15/10/2020 às 00:00

    Deveriam fazer uma enquete no Instagram/Twitter e Facebook pra dar mais credibilidade e mais pessoas opinarem

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet