Cuiabá, terça-feira, 26/01/2021
23:54:17
informe o texto

Notícias / Política

06/11/2020 às 15:40

Bolsonaro diz que “Trump não é a pessoa mais importante do mundo”

Presidente afirmou que acompanha a política externa e repetiu que tem preferências - já apontou antes que torcia pela reeleição de Trump

Metropoles

Bolsonaro diz que “Trump não é a pessoa mais importante do mundo”

Foto: Wilson Dias / Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse, durante um discurso na cerimônia de formatura de policiais rodoviários federais, que ele “não é a pessoa mais importante do Brasil”. E o presidente americano, Donald Trump, não é a pessoa mais importante do mundo.

O chefe do Executivo federal emendou: “A pessoa mais importante é Deus”. Em seu pronunciamento, Bolsonaro afirmou que “assiste à política externa” e repetiu que “tem suas preferências”.

Nas eleições para a Presidência dos Estados Unidos, o presidente afirmou diversas vezes que torcia pela permanência de Trump na Casa Branca. As urnas, porém, mostram que o candidato democrata Joe Biden está mais próximo de ser o vencedor.

“O momento no Brasil ainda é difícil. O que acontece lá fora interessa para cada um de nós aqui dentro. Eu não sou a pessoa mais importante do Brasil, assim como Trump não é a pessoa mais importante do mundo, como ele bem mesmo disse. A pessoa mais importante é Deus. A humildade tem que se fazer presente entre nós”, disse Bolsonaro.

Formandos

Durante o evento, Bolsonaro relembrou a trajetória dos formandos, que começou com um pequeno grupo cobrando a convocação dos aprovados em concurso na saída do Palácio da Alvorada.

Até conseguir a garantia de serem chamados pelo próprio Bolsonaro, o grupo começou a marcar presença, sempre uniformizados, na porta da residência oficial. Durante uma das tradicionais cerimônias de hasteamento da bandeira, conseguiu chamar a atenção do presidente, que pediu ao ministro da Economia, Paulo Guedes, que encontrasse espaço no orçamento para a convocação e nomeação dos agentes.

Naquele mesmo dia, após o evento, representantes da comissão de aprovados compareceram ao Ministério da Justiça e ao Palácio do Planalto para tratar dos trâmites.

“Aqui não estou como chefe de Estado. Estou como amigo, irmão e companheiro de todos vocês”, reforçou Bolsonaro.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet