Cuiabá, sexta-feira, 23/07/2021
14:08:51
informe o texto

Notícias / Política

06/11/2020 às 15:00

Leitão rebate coronel Fernanda sobre 'visita' da PF e dispara: 'só trabalhou no ar condicionado'

Durante encontro da Coligação Mato Grosso por Inteiro, realizada na noite dessa quinta (5), o candidato rebateu a adversária

Eduarda Fernandes

Leitão rebate coronel Fernanda sobre 'visita' da PF e dispara: 'só trabalhou no ar condicionado'

Foto: Reprodução / Playagora

Após ter seu passado com a Polícia Federal revirado pela adversária coronel Rubia Fernanda (Patriota), o candidato ao Senado Federal Nilson Leitão (PSDB) declarou que foi inocentado após ser alvo de investigação e, inclusive, foi indenizado pela “falha da Justiça”.

A explicação foi uma resposta ao ataque de Fernanda que, em entrevista ao programa Política Agora exibido na quarta-feira (4), disse em sua casa só vão policiais que são seus amigos e que nunca tive a Polícia Federal em sua porta. Leitão já foi preso pela PF na época em que foi prefeito de Sinop, sob acusação de recebimento de propina.

Leia também - Coronel Fernanda rebate ataques e manda recado: ‘nunca tive a PF na minha casa’

Durante encontro da Coligação Mato Grosso por Inteiro, realizada na noite dessa quinta (5), o candidato rebateu a adversária.

“Não vou responder para ela, ela nunca trabalhou, né?! Ela só trabalhou em ar condicionado. Foi promovida, se aposentou muito cedo, ganha R$ 30 mil. É fácil ela falar isso, nunca foi para a rua, nunca prendeu bandido. Eu já amanheci com a Polícia Federal na porta da minha casa e respondi o processo, fui inocentado e mais do que isso: o governo teve que me indenizar e eu sou indenizado hoje por uma falha da Justiça que me fez vítima de um processo”, contou.

Na sequência, Leitão voltou a criticar a carreira militar de Fernanda dizendo que “ela não é uma policial de rua, é uma policial de ar condicionado e não tem nenhum trabalho prestado para a sociedade brasileira de fato”.

Ele também insinuou que a coronel trabalhou apenas em proveito próprio. “Talvez tenha para ela que se aposentou muito cedo e eu não tenho que discutir com ela quem sou. Ela não pode me julgar. Aliás, como policial ela não pode julgar ninguém”.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Luiz 06/11/2020 às 00:00

    Esse site parece do interior. Estranho e chato de acessá-lo

 
Sitevip Internet