Cuiabá, segunda-feira, 25/01/2021
12:55:14
informe o texto

Notícias / Polícia

24/11/2020 às 10:01

Funcionário de fazenda agride ex-esposa até a morte e é preso

Na delegacia, ele disse que "perdeu o controle" durante uma discussão com a ex-mulher.

Luzia Araújo

Um homem de 38 anos foi preso por agredir, matar e enterrar o corpo da ex-esposa, no município de Itiquira (357 km ao Sul de Cuiabá) durante uma discussão.  A vítima foi identificada como Mirian Souza Mendes, de 37 anos. Na delegacia, o suspeito disse que "perdeu o controle" durante uma discussão com a ex-mulher

Segundo informações da Polícia Civil, duas pessoas compareceram à delegacia na tarde dessa segunda-feira (23) e informaram que algo de anormal havia acontecido na fazenda onde trabalham. 

Um dos comunicantes disse que na tarde de sábado (21), um funcionário do local o procurou pedindo demissão e disse que queria ser dispensado pois havia acontecido uma coisa grave, porém não informou o que teria ocorrido.

Então, o comunicante resolveu dar uma volta na estrada próxima da propriedade para verificar se percebia alguma coisa errada na região, quando encontrou uma enxada e uma motocicleta caída no meio do mato. 

Tempo depois, ele retornou ao local e percebeu que a motocicleta e a enxada já não estavam mais no local. 

Nessa segunda-feira (23), o comunicante foi novamente até o local e percebeu um monte de terra no meio mato com aparência de uma cova. Diante da situação, foi à delegacia para informar o fato. 

Equipe de investigadores da Polícia Civil foi até o local, removeu a terra e encontrou um corpo do sexo feminino. A Politec foi acionada. 

Os investigadores realizaram diligências e localizaram o funcionário da fazenda, que havia pedido demissão, e o conduziram à delegacia. 

Em entrevista, ele informou que no sábado (21), após manter contatos com a ex-esposa dele, a mulher teria lhe pedido dinheiro. Então, ele falou para que ela fosse até a fazenda para buscá-lo. O suspeito pegou uma motocicleta da fazenda e ficou na estrada esperando a vítima. 

No momento em que ela chegou, o ex-casal começou uma discussão, ele perdeu o controle e começou a dar socos no rosto de Mirian, em seguida pegou uma cordinha que estava na bolsa da vítima, amarrou no pescoço da mulher e saiu arrastando. 

Após ela morrer, o suspeito foi até a fazenda buscou uma enxada, cavou um buraco e a enterrou. 

Ele disse ainda que a motocicleta da Miriam foi jogada no lixão, junto com a bolsa dela, que foi queimada para dificultar uma identificação. A motocicleta foi localizada no lixão toda queimada. 

Ele ainda deixado o celular da vítima em uma eletrônica para ser formatado. O aparelho foi localizado e apreendido. 

A mãe da vítima também foi à delegacia na segunda-feira (23) para comunicar o desaparecimento da filha. O suspeito foi autuado em flagrante por ocultação de cadáver e feminicídio e encaminhado a uma unidade prisional.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet