Cuiabá, segunda-feira, 08/03/2021
03:05:16
informe o texto

Notícias / Geral

22/01/2021 às 11:04

Detran-MT alerta para golpe de venda de CNHs falsas

O golpe está sendo aplicado por quadrilhas especializadas que ofertam o serviço de confecção da suposta habilitação de forma facilitada

Leiagora

Detran-MT alerta para golpe de venda de CNHs falsas

Foto: Haillyn Heiviny

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) alerta aos cidadãos quanto ao golpe que vem sendo aplicado em todo Brasil, via aplicativo de mensagens e redes sociais, de suposta venda de Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Em Mato Grosso, o Detran-MT tomou conhecimento da prática ilegal por meio de diversas denúncias de autoescolas e na própria Ouvidoria do órgão.

O golpe está sendo aplicado por quadrilhas especializadas que ofertam o serviço de confecção da suposta CNH de forma facilitada, alcançando pessoas que procuram meios de burlar as fases obrigatórias para a obtenção do documento.

Nos vídeos enviados e publicados nas redes sociais, os golpistas mostram como ficaria o documento, impresso colorido em papel comum e com QR Code no verso. Porém, a CNH original é impressa em papel moeda e com diversas camadas de segurança para verificação, incluindo o QR Code para checagem da veracidade junto às autoridades competentes.

Esse QR Code só é lido por um aplicativo utilizado pelas autoridades de trânsito, direcionado à página do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). No caso do QR Code criado pelos golpistas e mostrado nos vídeos, a leitura é realizada pela câmera do celular e direcionada a um site fictício criado pela quadrilha que, supostamente, seria da CNH digital. Todavia, o Detran alerta que a CNH no formato digital só é válida no aplicativo nacional chamado Carteira Digital de Trânsito.

“O cidadão quando tenta burlar o sistema ele também está incorrendo em crime, e a quadrilha se beneficia disso, porque geralmente não há denúncia. Eles recebem parte do dinheiro e não entregam o documento. Ou seja, o cidadão procura pela facilidade e ainda fica no prejuízo de ficar sem a CNH e sem o dinheiro que pagou”, alertou o diretor de Habilitação do Detran-MT, Alessandro de Andrade.

Quando uma pessoa tenta obter a CNH por meios clandestinos ela está deixando de fazer diversas etapas obrigatórias para a obtenção do documento, como as aulas e prova teórica, aulas e prova prática, os exames médicos, psicológicos que são fases essenciais para a formação de um condutor.

“Nenhuma habilitação é emitida pelo Detran-MT sem o cumprimento de todas as etapas obrigatórias. O Detran preza pela segurança no trânsito e a preservação de vidas. Por isso temos um processo criterioso para a obtenção da CNH. Só é habilitado quem realmente está apto a conduzir nas vias públicas”, reforçou o diretor.  

 
Assessoria

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet