Cuiabá, sexta-feira, 16/04/2021
22:04:45
informe o texto

Notícias / Polícia

01/03/2021 às 13:08

Suspeito é preso por ameaça, aliciamento e assédio a menores de idade

A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Leiagora

Nesta segunda- feira (01), a Polícia Militar prendeu um homem de 46 anos por aliciar, assediar, ameaçar e oferecer bebida alcoólica a menores de idade, em Peixoto de Azevedo. O suspeito foi denunciado por tentar estuprar as vítimas. Na ação, a PM apreendeu um simulacro de arma de fogo. 

Durante a madrugada, policiais foram acionados via 190 para atender uma ocorrência de tentativa de homicídio em uma residência no bairro Santa Isabel. A equipe da PM foi até o local e foi informada que o homem (vítima) teria sido encaminhado ao Hospital Regional de Peixoto de Azevedo. 

No hospital, o homem apresentou palavras confusas e não conseguia ficar em pé, ele disse que teria sido vítima de um homem e uma mulher que haviam entrado em sua casa, lhe agredido e depois fugido. O homem contou ainda que não queria registrar boletim de ocorrência, que apenas queria fazer os curativos nos ferimentos e voltar para casa.

Enquanto isso, uma mulher ligou para o 22º Batalhão dizendo ter sido vítima de estupro, ela apresentou marcas de agressão pelo corpo. A vítima relatou que ela e mais duas amigas estavam  na casa do homem que estava no hospital. A mulher disse que ela e as duas amigas foram ameaçadas e forçadas a tirarem as roupas e terem relação sexual com o suspeito. 

Outras vítimas do sexo feminino procuraram o 22º Batalhão denunciando o mesmo homem, elas relatam que foram convidadas pelo suspeito a irem em a sua residência, que fizeram uso de bebida alcoólica, que o homem se alterou e a colocou a arma de fogo em suas cabeças, as obrigando a dançar e ter relações sexuais com ele. Uma das vítimas para fugir teria arremessado uma garrafa de vidro na cabeça do suspeito e fugido do local com a amiga. 

O homem foi procurado em sua residência, mas ele já havia deixado o local. A PM fez diligências e localizou o suspeito que foi pego fugindo em um automóvel. No veículo dele, os policiais apreenderam um simulacro de arma de fogo. 

O suspeito recebeu voz de prisão e disse que acha foi dopado, já que se lembra apenas de ter sido agredido com uma  garrafa de vidro no rosto; ele também alega que foi vítima de esfaqueamento. O conselho tutelar foi acionado para prestar apoio à duas menores de idade ( vítimas). 

A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil. 

 
Assessoria

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet