Cuiabá, terça-feira, 13/04/2021
18:16:39
informe o texto

Notícias / Esporte

05/03/2021 às 09:49

Saiba tudo sobre a Libertadores Feminina, que começa nesta sexta

O Timão defende o título e busca o bicampeonato; a Ferroviária ergueu o troféu em 2015 e quer fazê-lo novamente

Metropoles

Saiba tudo sobre a Libertadores Feminina, que começa nesta sexta

Foto: Divulgação /Conmebol

A 12ª edição da Libertadores Feminina começa nesta sexta-feira (5) e a competição, ainda válida pela temporada de 2020, terá três representantes brasileiros: Corinthians, Ferroviária e Avaí/Kindermann.

O Timão, campeão de 2019, defende o título e busca o bicampeonato. A Ferroviária ergueu o troféu em 2015 e quer fazê-lo novamente, enquanto o Avaí/Kindermann fará participação inédita na copa.

Diferentemente de como ocorre na categoria masculina, a feminina será em sede única e, desta vez, é a Argentina que abriga a disputa. As brasileiras têm tradição na Libertadores. Das 11 edições passadas, somente três não foram conquistadas por um time do Brasil.

O Santos venceu as duas primeiras, em 2009 e 2010, o São José foi campeão em 2011, Colo-Colo, do Chile, no ano seguinte, e o São José ergueu mais duas taças em 2013 e 2014. No ano de 2015, foi a vez da Ferroviária; em 2016, o vencedor foi o Sportivo Limpeno, do Paraguai, o Corinthians em 2017, Atlético Huila, da Colômbia, em 2018, e por fim, o Timão, novamente.

Se conquistar o título de 2020, o Corinthians repetirá um feito que não ocorre desde 2014: um brasileiro vencer por dois anos consecutivos. Com um elenco cheio de craques, o alvinegro é um dos favoritos à conquista. Claro, sem deixar para trás o Avaí/Kindermann, atual vice-campeão brasileiro, e a Ferroviária, vice-campeã da edição passada da Libertadores.

Grupos e jogos

O Corinthians está no Grupo A junto do Universitário, do Peru, América de Cali, da Colômbia, e El Nacional, do Equador. No Grupo B, estão o Boca Juniors, Avaí/Kindermann, Santiago Morning, do Chile, e o Deportivo Trópico, da Bolívia. A Ferroviária aparece no Grupo D ao lado do Universidade de Chile, Peñarol, do Uruguai, e Libertad, do Paraguai. O Grupo C, que não tem brasileiros, é composto pelo River Plate, Santa Fé, da Colômbia, Sol de América, do Paraguai, e Atlético SC, da Venezuela.

Foi confirmado nessa quinta-feira (4/3) que a Band chegou a um acordo para transmitir os jogos da Libertadores Feminina por meio da BandSports e da Conmebol TV.

Confira as datas e horários dos jogos da fase de grupos que vai até o dia 12:

Sexta-feira (5/3):
Deportivo Trópico x Avaí/Kindermann, às 17h

Corinthians x El Nacional, às 17h

Sábado (6/3):
Ferroviária x Libertad, às 17h

Segunda-feira (8/3):
Corinthians x Universitario, às 17h

Santiago Morning x Avaí/Kindermann, às 17h

Terça-feira (9/3):
Ferroviária x Peñarol, às 17h

Quinta-feira (11/3):
América de Cali x Corinthians, às 17h

Avaí/Kindermann x Boca Juniors, às 19h30

Sexta-feira (12/3):
Universidad de Chile x Ferroviária, às 17h

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet