Cuiabá, segunda-feira, 14/06/2021
02:06:14
informe o texto

Notícias / Esporte

17/05/2021 às 19:13

Emanuel adia mais uma vez entrega do Dutrinha

Com mais de um ano de atraso, Emanuel pretende inaugurar o estádio na primeira quinzena de junho

Da Redação - Angélica Callejas / Reportagem local - Camilla Zeni

Emanuel adia mais uma vez entrega do Dutrinha

Foto: Lello Nascimento/Playagora

Palco tradicional do futebol mato-grossense, o Estádio Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha, na região do Porto, em Cuiabá, teve sua entrega adiada mais uma vez, e agora a previsão é que seja inaugurado somente na primeira quinzena de junho.

A obra iniciada ainda em 2019 já vem sendo adiada há mais de um ano. Agora a previsão era primeiro para o aniversário de Cuiabá, depois ficou para maior e agora junho. "Eu prometi entregar no final de maio, mas vai ficar pro mês de junho ainda. Primeira quinzena, possivelmente. Principalmente por causa da iluminação, que eu não gostei nem um pouco", afirmou o prefeito durante coletiva.


O estádio foi interditado em 2015, depois de uma briga de torcedores, e apenas começou a tomar rumo quando, em 2018, a Prefeitura resolveu reformá-lo. Com os trâmites burocráticos, a licitação apenas foi concluída no fim daquele ano e a reforma teve início em fevereiro de 2019. Na época, a ideia era que a obra fosse entregue como presente para Capital em seu tricentenário, celebrado em abril de 2019.

De acordo com a Prefeitura, a reforma foi finalizada ainda em dezembro de 2020 e, agora, ainda aguarda a finalização de pequenos serviços, que nunca encerram.

Ao Playagora, o secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Jota Astrevo, informou que a finalização do estádio está feita, restando apenas serviços externos. Ele também explicou que a obra atrasou em razão da inclusão de serviços que não estavam no projeto de licitação, como o calçamento da fachada e a arborização da entrada e do estacionamento. 

O estádio

O Dutrinha, localizado na Rua Joaquim Murtinho, no bairro Porto, em Cuiabá, foi construído em 1952 e declarado como patrimônio histórico de Cuiabá em 1990, após um projeto do prefeito Emanuel Pinheiro quando ainda era vereador. O local foi o principal palco do futebol mato-grossense até que o Verdão foi inaugurado, em 1976.


0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet