Imprimir

Imprimir Notícia

08/04/2019 às 10:46 | Atualizada: 09/04/2019 às 11:38

Mais de 200 funcionários da Santa Casa realizam ato de protesto em frente ao hospital

Na manhã desta segunda-feira (08), funcionários da Santa Casa realizaram um abraço simbólico no entorno do local, como forma de protesto à falta de solução para os salários atrasados há praticamente um semestre.

O ato, ocorrido neste aniversário de 300 anos de Cuiabá, também chega como um pedido de socorro por parte de centenas de funcionários, que estão desiludidos com a falta de providências efetivas do poder público perante a situação.

A manifestação também funcionou como uma Assembleia entre os funcionários, para debater a situação e pressionar a diretoria, governo do Estado e Prefeitura de Cuiabá.

Nem a chuva desta manhã foi capaz de abalar os mais de 200 funcionários que estavam cobrando solução e pedindo para voltarem a trabalhar, como o André, um dos trabalhadores e representante dos colegas, que se fez presente no protesto.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos da Saúde do Estado de Mato Grosso (SISMA/MT), Oscarlino Alves, que também acompanhou o movimento, a situação é muito triste e lamentável.  “Está todo mundo com o salário em dia, governador, prefeito, e o povo aqui mendigando para voltar a trabalhar, com meses de salários atrasados”, crítica o sindicalista, pontuando ainda que os servidores tentaram obter respostas da diretoria, mas que o diretor Paulo César disse que a situação está complicada e a dívida da Santa Casa está muito alta.
 
 
 Imprimir