Cuiabá, segunda-feira, 15/04/2024
00:58:00
informe o texto

Notícias / Geral

14/11/2023 às 19:01

AÇÃO CONJUNTA

Governos de MT e Federal elaboram plano de combate a incêndios florestais no Pantanal

Durante a reunião, os órgãos estaduais e federais apresentaram todos os recursos disponíveis para reforçar as ações

Leiagora

Governos de MT e Federal elaboram plano de combate a incêndios florestais no Pantanal

Foto: Secom-MT

O Governo de Mato Grosso e o Governo Federal se reuniram, nesta terça-feira (14), para elaborar o Plano de Trabalho para o combate aos incêndios florestais no Pantanal mato-grossense. A reunião foi realizada na Sala de Situação Central, do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA).

“Foi uma reunião muito produtiva e que atende o que havia sido combinado entre os órgãos. Fomos assertivos e técnicos. Cada instituição mostrou o que está à disposição, estabelecemos estratégias de como vamos atuar. Tudo isso será incluído no plano de trabalho, que será apresentado a todas as autoridades envolvidas”, explica a secretária da Sema, Mauren Lazzaretti.

O plano é elaborado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em conjunto ao Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso e Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). 

Durante a reunião, os órgãos estaduais e federais apresentaram todos os recursos disponíveis para reforçar as ações.



“Daqui para frente vamos ter um trabalho integrado para ter um bom resultado. Sabemos que, enquanto área atingida, é muito menor que em 2020, mas o Pantanal surpreende. Todo fogo no Pantanal precisa de atenção. Não é algo simples, por isso, vamos trabalhar juntos”, afirmou o presidente do Ibama, Rodrigo Agostinho.

Emergência ambiental

Nesta terça-feira, o Governo de Mato Grosso decretou emergência ambiental em decorrência dos incêndios florestais no Estado. O decreto n° 584 foi publicado no Diário Oficial nesta sexta-feira e tem vigência por 60 dias.

O documento é um reforço ao Decreto nº 579/2023, que determinou a prorrogação do período proibitivo para queimadas no Estado até 30 de novembro, para atender à exigência do Governo Federal no pedido de apoio para combate aos incêndios.

 
Com Assessoria Secom-MT
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet