Cuiabá, segunda-feira, 15/04/2024
01:32:31
informe o texto

Notícias / Geral

16/11/2023 às 17:55

NO PANTANAL

Pivetta torce por chuva e afirma que Governo de MT não vai conseguir combater o fogo sozinho

Governador em exercício afirma que houve um período em que os focos de incêndio diminuíram, mas o tipo de solo contribuiu para que o fogo ressurgisse no Pantanal

Da Redação - Kamila Arruda / Da Reportagem Local - Jardel P. Arruda

Pivetta torce por chuva e afirma que Governo de MT não vai conseguir combater o fogo sozinho

Foto: Marcos Vergueiro / Secom-MT

“Infelizmente a força do fogo está sendo maior que a nossa”, afirmou o governador em exercício Otaviano Pivetta (Republicanos), na tarde desta quinta-feira (16), ao destacar que o Governo do Estado vem trabalhando no combate a incêndios de forma intensiva há mais de 15 dias. Para ele, se não chover, a situação pode se agravar em Mato Grosso, especialmente na região do Pantanal.
 
“O nosso pessoal está na frente de combate, muito bem planejado e vamos torcer para que a chuva venha logo e nos ajude, porque sem chuva realmente é muito difícil”, enfatizou.
 
Pivetta afirma que houve um período em que os focos de incêndio diminuíram, mas o tipo de solo contribuiu para que o fogo ressurgisse no Pantanal.
 
“Impossível prever os eventos de incêndio no Pantanal pelo fogo se propagar, inclusive subterrâneo, por causa de biomassa seca. O estado se mobilizou imediatamente no final do mês passado. Nós tivemos a impressão de que vencemos o incêndio, mas ressurgiram focos de incêndio e nós temos uma capacidade limitada”, completou acrescentando que o Governo do Estado recebeu reforço do Governo Federal.
 
O aumento nos focos de incêndio, inclusive, fez com que o governador em exercício decretasse situação de emergência ambiental. A medida foi publicada no início desta semana e garante ao Executivo Estadual a possibilidade sobrar maior apoio do governo Federal para reforçar as ações de combate, principalmente no pantanal mato-grossense. 
 
Além do aumento dos focos de incêndio, o decreto ainda levou em consideração as condições climáticas no Estado pelos próximos dias, como altas temperaturas e baixa umidade, que favorecem a ocorrência de incêndios florestais.

“Há mais de 15 dias nós mobilizamos todas as forças disponíveis e possíveis para combater o incêndio o fato é que o Pantanal tem condições singulares de acesso, dificuldades de toda ordem, e tem muita biomassa, especialmente subterrânea, então o fogo ressurge surpreendentemente”, finalizou.
Clique aqui, entre na comunidade de WhatsApp do Leiagora e receba notícias em tempo real.

Siga-nos no Twitter e acompanhe as notícias em primeira mão.


 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet