Cuiabá, sábado, 17/08/2019
10:46:12
informe o texto

Notícias / Mato Grosso

13/08/2019 às 20:04

Fazendas do maior traficante da América Latina não são vendidas em leilão

As duas propriedades de Cabeça Branca ficam em Marcelândia, no Norte de Mato Grosso. Este foi o segundo leilão em menos de um mês.

Leiagora

Fazendas do maior traficante da América Latina não são vendidas em leilão

Foto: Divulgação

Foi colocada em leilão, nesta terça-feira (13), as duas fazendas de Luiz Carlos da Rocha, o Cabeça Branca. Ele é considerado, pela polícia, dos maiores traficantes de droga da América Latina, com distribuição de cerca de 5 toneladas de droga para países da África, Europa e Estados Unidos. Ele foi preso em julho de 2017, em Sorriso.

As duas propriedades de Cabeça Branca ficam em Marcelândia, no Norte de Mato Grosso. Este foi o segundo leilão em menos de um mês e assim como no primeiro, em julho, ninguém deu nenhum lance, mesmo elas estando, juntas, em torno de R$ 2 milhões mais baratas.

Com isso as fazendas vão para a venda direta, com a entrada sendo de 25% do valor total e dividida as parcelas em 30 vezes sem juros, mas com correção monetária.

 As propriedades ficam disponíveis para venda, nessas condições, por três meses. Depois disso podem voltar para a justiça, que fará nova análise dos valores.

Uma das fazendas tem 596,4595 hectares. Parte da área é aberta para a produção de grãos e outro setor é coberto por mata nativa. Ela tem dois barracões, duas casas de alvenaria e quatro casas de madeira como benfeitorias. O valor atual é de R$ 6 milhões.

Enquanto isso a outra propriedade tem 620,5725 hectares, é toda coberta por vegetação e não tem benfeitorias. O valor atual é de R$ 992,9 mil.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Em parceria com Engaje Sitevip Internet